Viana recebeu quase 4,5 milhões de complementação do Fundeb. Vejam os valores de Penalva, São Bento, Olinda, Matinha, S. J. Batista, Cajapió e São Vicente

O Ministério da Educação liberou mais de R$ 2,9 bilhões para complementação do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Além do Maranhão, os estados e municípios de Alagoas, Ceará, Amazonas, Bahia, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco e Piauí também receberam a verba.

Os recursos são referentes à última parcela de 2017, que soma R$ 1,9 bilhão, liberados na última quarta-feira, 31, e à primeira parcela de 2018 que é de R$ 963,9 milhões, liberados na semana passada. O dinheiro foi repassado via Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), autarquia vinculada ao MEC.

Do total remetido a estados e municípios, R$ 291,5 milhões serão destinados à parcela de complementação da União para o pagamento do piso salarial dos professores, por parte dos sistemas de ensino. Atualmente, o piso corresponde a um salário de R$ 2.455,35 para jornada de 40 horas semanais. Já R$ 2,6 bilhões são para complementação do Fundeb.

Entre os municípios do Maranhão mais receberam recursos está a cidade de Viana, administrada pelo prefeito Magrado Barros. Só o município recebeu quase 4 milhões e meio de reais da complementação do Fundeb. Vale ressaltar que estes valores foram repassados às prefeituras no dia 02 de fevereiro, referente à segunda parcela.

Vejam abaixo a lista das cidades que o Blog do Jailson Mendes cobre que receberam a complementação.

Penalva 3.352.761,08

Viana  4.499.219,10

São Bento 2.637.125,82

São João Batista 1.979.913,67

São Vicente Ferrer 1.547.044,37

Matinha 2.057.607,80

Olinda Nova do Maranhão 1.343.543,44

Cajapió  850.781,83

Folha de SJB

Tiroteio em Penalva termina com um morto e em Viana, acidente com vítima fatal

A onda de violência e imprudência continuam aumentando nas cidades da Baixada Maranhense. Ontem e hoje, as cidades de Penalva e Viana foram marcadas por grandes atos de violência e acidentes fatais, que terminaram em duas mortes, inclusive de uma aposentada hoje cedo.

De acordo com as informações encaminhadas ao Blog do Jailson Mendes, o primeiro caso aconteceu no bairro Bacural, em Penalva. Um homem identificado apenas como Baldez recebeu diversos tiros e foi brutalmente assassinado. Um companheiro dele também foi atingido com os disparos, mas ainda está vivo.

Vídeos e fotos foram divulgados, mas o blog prefere não publicar nenhuma mídia. A morte aconteceu após um tiroteio com centenas de tiros, mas a polícia não divulgou, até agora, nenhuma informação oficial. Em menos de 24 horas, dois tiroteios foram registrados no município de Penalva e a população vive apreensiva.

Agora pela manhã, no bairro de Fátima, em Viana, uma aposentada morreu após ter sua cabeça esmagada por uma caçamba. Pelo que o blog colheu, trata-se de uma senhora identificada apenas como Dona Raimunda e no local do acidente não tinha nenhum quebra-mola e as circunstâncias do acidente não foram divulgadas até agora.

Folha de SJB

Saiba quanto as prefeituras de Penalva, S. J. Batista, Matinha, Olinda, São Bento, S. V. Ferrer, Viana e Cajapió receberam este mês

O blog do Jailson Mendes divulga agora quantos milhões as prefeituras das cidades de Olinda Nova do Maranhão, Viana, Cajapió, São Vicente Ferrer, São Bento, Matinha, Penalva e São João Batista receberam no primeiro mês deste ano, do Governo Federal. Os repasses, que foram divulgados sem os descontos como pagamento de multas e débitos da prefeitura, fazem parte de um levantamento junto aos demonstrativos do Banco do Brasil.

A ultima parcela caiu hoje, 30 de janeiro. A cidade de Penalva recebeu quase 4 milhões de reais no mês passado. Administrada pelo prefeito Ronildo Campos, o município recebeu exatamente R$ 3.831.187,76 de reais. De acordo com as informações, a cidade de Olinda Nova do Maranhão, comandada pelo prefeito reeleito Costinha, recebeu 1.861.418,95 de reais este mês.

Governada pelo prefeito Dr. Marcone, a cidade de Cajapió recebeu R$ 1.443.130,21 de reais até o dia 30 de janeiro. Já o município de Viana, administrada por Magrado Barros, recebeu mais de 4 milhões este mês. Foram exatamente 4.351.179,42 reais recebidos dos repasses do Governo Federal. O município de São Vicente Ferrer recebeu 2.248.612,88  de reais. A cidade é administrada pela prefeita Conceição Castro.

Segundo os demonstrativos do Banco do Brasil, São João Batista recebeu 2.382.774,87 reais, comanda pelo prefeito João Dominici. Já na cidade de Matinha, administrada pela prefeita Linielda de Eldo, o montante recebido foi de 2.451.065,41 reais. Por fim, São Bento, que é comandada pelo prefeito Luizinho Barros, recebeu mais de 3 milhões. Foram exatamente 3.740.275,41 reais.

Das cidades que o blog posta informações, o município de Viana foi o que mais recebeu dinheiro. O blog informa novamente que os dados são dos demonstrativos do Banco do Brasil, em conjunto com o Portal da Transparência. O Fundeb e o Fundo de Participação foram os fundos que mais caíram dinheiro para todas estas prefeituras, bem como as demais, mas em consideração ao mês passado, em algumas prefeituras pesquisadas os repasses diminuíram, com Olinda e Cajapió.

Folha de SJB

Vejam os resultados das primeiras rodadas da Copa dos Campeões da Baixada

Começou neste sábado a décima terceira edição da Copa dos Campeões da Baixada Maranhense, que está sendo disputada na cidade de São Vicente Ferrer e organizada pelo desportista Eliezer Ramos, com apoio da Prefeitura Municipal. Ao todo, 10 times participam do campeonato, considerado o maior da região.

Equipe de Olinda derrotou Juvic

A primeira rodada terminou com a derrota do atual campeão, Juvic, de São Vicente, que perdeu de 02 a 01 para a seleção de Olinda Nova do Maranhão. No primeiro jogo da primeira rodada, a equipe de São Bento derrotou a seleção de Viana, por 01 a 0.

Na segunda rodada, realizada neste domingo, os dois times de São João Batista se enfrentaram. Corinthians ganhou a partida do Moto Taxi por 01 a 0, e no segundo jogo os matinhenses derrotaram, por 02 a 01, a equipe de Penalva.

A copa estará sendo disputada pelos times Olinda Nova, Penalva D.C (Penalva), Bellas Águas ( São Bento), Santa Maria (Matinha), Moto Táxi (SJB), Cajapió FC (Cajapió), JUVIC (SVF), Corinthians (SJB), PAC (Viana) e Internacional (SVF).]

Folha de SJB

Em três anos, governo de Flávio Dino investiu mais de R$ 247 milhões na infraestrutura da Baixada Maranhense

Durante os três primeiros anos da gestão do governador Flávio Dino, a Baixada Maranhense, formada por 21 municípios, já recebeu mais de R$ 247 milhões em obras. Construções e urbanizações nas áreas da educação, segurança, saúde, espaços públicos, vias urbanas e rodovias fazem parte do maior pacote de investimentos do Governo do Estado da história da região. Para este ano, mais investimentos já foram anunciados.

Educação – Um dos maiores programas do governo Flávio Dino é o Escola Digna, que transforma escolas de taipa e barro em escolas de alvenaria. Na Baixada Maranhense, o governo investe R$ 9.897.866,36 na construção de Escolas Dignas. Uma delas fica na cidade de Monção, no povoado Vila da Paz. Os alunos receberam com muita alegria o prédio novo com duas salas, banheiros, cozinhas e salas administrativas. “Estávamos contando os dias para que as aulas pudessem começar”, afirmou o professor Mauro Henrique durante o último dia de aula num barracão improvisado.

O Programa Escola Digna também constrói Núcleos de Educação Integral, constrói e reforma escolas regulares e quadras poliesportivas em todas as regiões. Na Baixada, dois núcleos estão em construção e 16 escolas recebem investimentos de mais de R$ 25 milhões. O Centro de Ensino (C.E.) Nina Rodrigues, por exemplo, teve todo o seu prédio reformado. Os serviços de revisão e melhorias no telhado, instalação de forro, recuperação de banheiros, revisão das instalações elétrica e hidráulica, pintura, entre outros serviços, deram novos ares à escola que tem oito salas de aula, laboratório, biblioteca, pátio, além de espaços administrativos.

“É um sentimento de muita gratidão ao Governo do Estado por essa iniciativa de dar mais dignidade aos nossos alunos, professores e demais funcionários. Este momento aqui mostra que o governo está empenhado em transformar a nossa escola em um espaço digno”, destacou a gestora geral em exercício, Ingrid Lituânia. Outra reforma significativa foi do C.E. José de Anchieta, em Pinheiro. A escola fica localizada no Campinho, um dos maiores bairros da cidade de Pinheiro. É uma das maiores e mais tradicionais escolas públicas da cidade. Com 40 anos de história, tem uma grande relevância no contexto educacional da cidade, mesmo assim, há 13 anos a escola não passava por uma reforma, de fato, estruturante.

A obra realizada pelo Governo beneficia diretamente mais de 900 estudantes, além de professores e funcionários. A reforma incluiu a recuperação do telhado, troca de piso, instalações hidráulicas e elétricas renovadas, pintura das paredes, instalação de aparelhos de ar condicionado, novos quadros, reforma de banheiros, troca de portas, janelas e de luminárias, instalação da subestação de energia elétrica e nova adequação dos espaços de lazer, além da aquisição do novo mobiliário. Ainda na educação estão em construção três Institutos Estaduais de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) nas cidades de Santa Helena, São Vicente Ferrer e Vitória do Mearim. O IEMA foi criado com o intuito de ampliar a oferta de educação profissional técnica de nível médio no estado.

Saúde – Na área da saúde, o Governo do Maranhão investe R$ 52.099.940,66 na construção, reforma e ampliação de oito prédios. Uma das grandes realizações da Baixada foi a inauguração do Hospital Regional Dr. Jackson Lago, em Pinheiro. O hospital regional possui 122 leitos de internação, sendo 26 de clínica médica, 26 leitos de clínica pediátrica, 26 leitos de clínica ortopédica, 26 leitos de clínica cirúrgica, 12 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e seis leitos de Unidade de Cuidados Intermediários (UCI).  O pedreiro Sebastião Ribeiro, de 67 anos, há três anos aguardava pela cirurgia de catarata. Na primeira ação do hospital, um mutirão, foi possível realizar a operação. “A operação da vista foi um sucesso, estou feliz demais”, comemorou Sebastião Ribeiro.

Segurança – Já na segurança, o governo Flávio Dino investe cerca de R$ 4.640.047,10 na reforma, construção e manutenção de prédios na Baixada Maranhense. Em Penalva, está sendo realizada a reforma e ampliação da Delegacia de Polícia Civil. Em Pinheiro, o governo reforma e modernização o 10º Batalhão de Polícia Militar. A delegacia de São Bento também está recebendo intervenções.

Mais Asfalto – O Programa Mais Asfalto é uma ação do Governo que pavimenta e melhora rodovias e requalifica as vias urbanas das cidades. Na Baixada, o investimento do Mais Asfalto supera os R$ 156 milhões. Um dos grandes gargalos da região era a MA-006, entre Pedro do Rosário ao povoado Cocalinho. São 42 quilômetros de extensão que por décadas foram alvos de protestos por parte dos moradores.

“Mais de 49 anos eu esperei por todo tempo o asfalto passar aqui”, relatou a aposentada Maria de Nazaré, de 66 anos, uma das moradoras mais antigas de Pedro do Rosário. Além dessa rodovia, o Governo está investindo na construção de 16 quilômetros da Estrada do Peixe, que liga Itans a Matinha, e na construção da Ponte Central/Bequimão.

Na MA-106, entre Cujupe e Governador Nunes Freire, as obras de recuperação dos seus 186 quilômetros facilita o deslocamento de maranhenses e paraenses. De Vitória do Mearim até o povoado Três Marias, na MA-014, estão sendo recuperados 151 quilômetros da rodovia. Ainda na MA-014, estão sendo realizados investimentos de Palmeirândia até o entroncamento com a MA-106, em Peri-Mirim. Ascom.

Urgente: prefeito de Viana, Magrado Barros, acaba de sofrer princípio de infarto

Informações chegadas de fontes de Viana dão conta de que o prefeito da cidade, Magrado Barros, sofreu um início de infarto agora a pouco, por volta do meio dia. Socorrido, Magrado foi levado para uma clínica particular.

Minutos após ele foi transferido para São Luis, de helicóptero. A assessoria do prefeito ainda não divulgou muitas informações sobre o estado de saúde de Magrado.

Fontes do Blog do Jailson Mendes disseram que o mesmo se encontra no balão de oxigênio e não se encontra bem.

Dentro de instantes, novas informações.

Vejam algumas fotos enviadas ao blog.

Folha de SJB

Em vídeo do jornal El Pais, Gamellas contam como vivem nos municípios de Viana, Penalva e Matinha

Na Baixada Maranhense, entre os povoados de Matinha, Penalva e Viana, uma região conhecida como “Terra do Índio” tornou-se palco de conflitos quando uma etnia agada pelo Estado e pelos proprietários de terra, os Gamella, sai em um levante de modo a proclamar e afirmar sua existência, retomando áreas que pertencem ao seu território originário.

Seis meses após o episódio conhecido como “linchamento gamella”, quando uma “Marcha pela Paz” investiu contra uma retomada de terra indígena, a Pavio, em parceria com o EL PAÍS Brasil esteve na região para acompanhar o processo de recuperação dos Gamella.  Em 30 de abril de 2017, o município de Viana, no Maranhão, presenciava o ápice de um conflito que já se desenhava havia anos.

Uma batalha campal colocava de lados opostos indígenas da etnia Gamella, que buscam a demarcação dos territórios de seus ancestrais, e agricultores não indígenas, que afirmam serem eles os verdadeiros detentores das terras reivindicadas pelos índios. O enfrentamento deixou dezenas de feridos, vários deles com marcas de bala rasgadas pelo corpo. Dois indígenas tiveram as mãos quase arrancadas a golpes de facão, em uma cena de barbárie que atraiu as atenções de todo o mundo.

A luta dos gamella se iniciou em 2015, quando eles começaram a realizar na região uma série de retomadas, expressão usada pelos indígenas para definir a ocupação de um território ancestral retirado de seus parentes no passado. A ação consiste em entrar na terra reivindicada e nela permanecer para pressionar o poder público pela demarcação do território. Foi em uma dessas retomadas que o ataque aconteceu, em abril.

Apesar de as retomadas terem se tornado comuns em diversas partes do país, no caso dos gamella há um componente ainda mais complicado: a etnia só passou a existir oficialmente recentemente, após se autodeclarar indígena. Eles contam que, ao longo de décadas, se declarar índio na região poderia representar um atestado de morte. Em meio à resistência da população local em identificá-los como índios, o grupo tenta autoafirmar sua identidade, enquanto busca demarcar áreas que, no passado, pertenciam a seus ancestrais.

Folha de SJB

Instituto Inaldo Abreu realiza ações com mais de mil atendimentos em Viana

O Instituto Inaldo Abreu e os Voluntários da Paz realizaram neste fim de semana mais uma ação no estado do Maranhão. Desta vez, a cidade escolhida foi o município de Viana, na Baixada Maranhense. Os moradores da comunidade Santa Barbara, na zona rural daquele município, foi os beneficiários.

O convite foi feita pela Primeiro Igreja Batista de Viana e coordenado pelo pastor Claudiner Costa. Segundo as informações de uma das diretoras do instituto, Luciana Abreu, foram realizados mais de mil atendimentos, entre eles consultas com clínico geral, testes de glicemia, HIV, Sífilis, massoterapeuta, fisioterapeuta e terapia ocupacional.

A ação também contou com exames preventivos, verificação de PA, consultas com nutricionistas, advogados, psicólogos, bem como emissão de carteiras de identidades, aplicação de flúor, consultas de vista e outras ações levadas pela Instituto Inaldo Abreu, que vem se destacando há vários anos pelo trabalho social realizado em todas as regiões do Maranhão.

Em Viana, as ações tiveram o apoio da Fundação Renato Abreu, Transporte Vitória, Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais e Prefeitura Municipal de Viana, que foi representada pelo Marcelo Santana. Vejam as fotos…

Folha de SJB