Ministério da Saúde aponta Bacurituba, São Bento e Vitória do Mearim entre as melhores gestões de saúde da Baixada Maranhense

Os municípios de Bacurituba, São Bento e Vitória do Mearim, administrado pelos prefeitos Letícia de Sibá, Dino Penha e Nato da Nordestina, respectivamente, estão entre os primeiros colocados do Maranhão no ranking do Previne Brasil, programa que avalia os investimentos dos repasses do Governo Federal para saúde dos municípios e determina alterações no financiamento e custeio da saúde da atenção primária.

Prefeitos de Vitória, Bacurituba e São Bento

De acordo com as informações, disponibilizados pelo Ministério da Saúde agora em fevereiro, dos 217 municípios do Maranhão, Bacurituba é o melhor colocado, na posição de 33ª no Maranhão, ocupando o primeiro lugar na regional de Viana, seguido pela cidade de Olinda Nova do Maranhão, que ficou em 35º e segundo lugar na regional de Viana. São Bento ficou no 40º lugar e Vitória do Mearim na 60ª posição, sendo os melhores da Baixada Maranhense, segundo os técnicos do ministério.

Pelas redes sociais, a prefeita Letícia de Sibá comemorou o primeiro lugar de Bacurituba na regional. “Estou muito feliz e orgulhosa ao ver a saúde de Bacurituba avançando. Dessa vez, conquistamos uma nota excelente no ‘Previne Brasil, alcançando o 1º lugar entre os municípios que compõem a regional de Viana. Esse reconhecimento é resultado de uma equipe que se empenha em melhorar cada vez mais o atendimento e a assistência à saúde da nossa população. Seguiremos juntos nessa missão, contem comigo”, completou.

Entre os piores colocados do Maranhão estão Monção (205ª), Igarapé do Meio (181ª) e Bequimão (177ª). A lista completa pode ser acessada AQUI.

O programa

O Previne Brasil tem como princípio a estruturação de um modelo de financiamento que mede o desempenho dos investimentos de cada município brasileiro, avaliação de gestão, focado em garantir o acesso para o cidadão aos serviços de atenção básica que são custeados pelo Governo. O resultado considera alguns indicadores da atenção primária, como saúde odontológica, da gestante e da mulher, cobertura vacinal, e atenção aos pacientes diabéticos e hipertensos.

A má gestão já entrega prejuízos a população diariamente, mas, o Ranking feito pelo Previne Brasil pode refletir negativamente nos futuros repasses do Governo para o custeio, o que é péssimo administrativamente para o município que, por sua vez, deixa de receber mais ajuda desses recursos federais.


Em tempos de desinformação, o Blog do Jailson Mendes reforça o compromisso com o jornalismo profissional, comunitário e de qualidade. Nossa página produz diariamente informações na Baixada Maranhense de forma responsável e que você pode confiar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *