Bandidos tocam o terror na Baixada, matam jovem de 24 anos em Cajari e três deles morrem em confronto com a polícia em Viana

A Baixada Maranhense viveu neste domingo (24), mais um dia de terror, que tomou conta da maioria das cidades da região. Três criminosos morreram e outros  em confronto com a polícia, na tarde deste domingo (24), na cidade de Viana. Antes do confronto, eles praticaram latrocínio (roubo que resulta em morte) em Cajari e invadiram duas casas.

Homens foram mortos em confronto com a polícia

Pelas informações da polícia, quatro homens armados invadiram a residência de uma pessoa, identificada como “Macarrão”, no povoado Bom Lugar, e anunciaram o assalto. Os criminosos queriam armas e drogas que estariam escondidas no imóvel. Durante a ação criminosa, o irmão de “Macarrão”, identificado como Dênis Marques Pinheiro Pinto, tentou correr, mas foi alvejado a tiros e morreu no local.

Após o crime, os bandidos invadiram uma fazenda e renderam dois funcionários da propriedade. Os moradores se trancaram em um quarto, mas os bandidos arrombaram a porta e agrediram as vítimas, que foram torturadas. Em seguida, eles fugiram levando R$ 1.700,00 em espécie, além de outros pertences.

Na rua, os criminosos ainda roubaram uma motocicleta Honda, de cor vermelha, sem placa, e a abandonaram a alguns quilômetros do local. O veículo foi encontrado por populares e devolvido ao proprietário. Após a ação criminosa, os quatro bandidos seguiram a pé por uma área de campo, no sentido da cidade de Viana.

Na sequência, com uma canoa, eles atravessaram um igarapé, e tiveram apoio de um quinto bandido que se juntou ao grupo. A Força Tática, assim que assumiu o serviço, foi informada via Central de Operações do 36° BPM de Viana sobre a ação criminosa, e iniciou as buscas pela captura dos criminosos. O cerco policial foi formado na região do perímetro urbano da cidade, enquanto outras equipes da polícia se deslocaram para a região do campo, denominada Porto de João Gato.

As serem surpreendidos com a presença da polícia, os bandidos abriram fogo contra as guarnições. De imediato, os policiais revidaram e conseguiram alvejar três deles, sendo que os outros dois foram capturados. Os três baleados foram colocados na carroceria de uma caminhonete e levados ao Hospital Regional da cidade, mas eles não resistiram à gravidade dos ferimentos e morreram.

Os criminosos foram identificados como Roniel Pinto Mendes, conhecido como “Coelho”, residente no bairro Matriz, em Viana; Paulo Ricardo Castro Ramos, residente no Bairro Tibiri, em São Luís; Lorimar Rocha Aires, 52 anos, residente no Bairro Democrata, em Viana; Jhon Edson, residente em São Luís; e Wesley, residente em São Luís.

Com os bandidos, a polícia encontrou um revólver, calibre 38, de numeração raspada, uma escopeta artesanal, além de diversos cartuchos de munição, calibre 12. Os outros dois presos sofreram ferimentos leves, foram medicados e encaminhados à Delegacia Regional de Viana, para as medidas cabíveis. Em seguida, eles foram encaminhados à Unidade Prisional de Ressocialização (UPR), onde ficarão à disposição da Justiça. Gilberto Lima.

Erramos

No dia da publicação desta matéria, postamos erroneamente a foto de Denismarque Pinheiro Pinto, após uma confusão de informações passada pela Polícia Militar. Este, na verdade, foi morto pelos bandidos. Corrigimos esta informação e pedimos desculpas à família pelo ocorrido.

Jovem morto pelos bandidos em Cajari
Dois dos três mortos pela polícia em Viana


Em tempos de desinformação, o Blog do Jailson Mendes reforça o compromisso com o jornalismo profissional, comunitário e de qualidade. Nossa página produz diariamente informações na Baixada Maranhense de forma responsável e que você pode confiar.

2 respostas para “Bandidos tocam o terror na Baixada, matam jovem de 24 anos em Cajari e três deles morrem em confronto com a polícia em Viana”

  1. A policia trabalhou mal! Era pra ter matado todos eles. Olha a cara dessas desgraças! Vão roubar agora no inferno, bando de miseraveis.

Deixe um comentário para Julio Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.