Escritor e jornalista vianense Nonato Reis lança sua quinta obra literária nesta sexta, em São Luis

O jornalista e servidor do Tribunal de Justiça do Maranhão, Nonato Reis, lança nesta sexta-feira (01) a obra “Os Sinos da Matriz”, livro de contos e crônicas de cotidiano, quinta obra do autor, uma coletânea de 40 textos, que tem como cenário a cidade de Viana, na Baixada Maranhense, onde o escritor nasceu. A cerimônia de lançamento ocorre às 10h, no auditório Desa. Madalena Serejo, no Fórum Desesembargador Sarney Costa (Calhau), em São Luis.

Escritor vianense lança ‘Sinos da Matriz’, nesta sexta

Nonato Reis é oficial de justiça e atua na Central de Mandados da Comarca da Ilha de São Luís, tendo ingressado por concurso público, em 2005. É formado em Jornalismo, pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA), em 1982. Trabalhou nos principais jornais de São Luís, como repórter, chefe de reportagem e editor. Foi correspondente do jornal Folha de São Paulo, na década de 90. De 2011 a 2017 foi articulista do Jornal Pequeno, na capital maranhense, onde assinava uma coluna dominical sobre temas livres.

Em 2017 estreou na literatura com o romance “Lipe e Juliana” e, em 2018, lançou seu segundo romance, “A Saga de Amaralinda”. É também autor da obra “A Fazenda Bacazinho” (2019), um livro de crônicas ambientado no povoado de Ibacazinho, no município de Viana, sua cidade natal. Em parceria com o oficial de justiça Jil Borges, lançou, em 2020, o livro de crônicas “Ossos do Ofício, que narra as histórias por trás do cumprimento de mandados judiciais nas comarcas do Maranhão.

O livro “Os Sinos da Matriz”, publicado pela Viegas Editora, reúne um conjunto de contos e crônicas. Com 199 páginas, mistura ficção e realidade e tem um cunho memorialista. “A proposta da obra é divertir o leitor, oferecendo-lhe uma leitura agradável e dinâmica. Os textos são curtos, não mais do que três ou quatro páginas cada um, como se fosse uma grande reportagem de jornal, divida em capítulos, com aquela capsula de senso de humor”, afirma o escritor. A obra também faz algumas homenagens, parte delas na forma memorialista na figura de personagens que ajudam a escrever as histórias.

O poeta, jornalista e escritor Nonato Reis vive sua melhor fase de produção literária e já planeja lançar, em 2022, sua sexta obra, o livro de memórias intitulado “Lembranças de repórter”, resgatando fatos e personagens da época em que trabalhou nas redações de jornais.

Durante a sessão de autógrafos de “Os sinos da matriz”, nesta sexta-feira (01), no Fórum de São Luís, haverá a apresentação do saxofonista Orisvaldo Siqueira, tenente da Polícia Militar do Maranhão. Já confirmaram presença na cerimônia de lançamento o presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão e o corregedor-geral de Justiça, desembargadores Lourival Serejo e Paulo Velten, além de diversas outras autoridades e convidados. TJMA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *