Índios Gamellas voltam a bloquear MA-014 entre Matinha e Viana sem previsão de liberação

Os índios da etnia Akroá Gamella voltaram a bloquear a MA-014, entre as cidades de Matinha e Viana, na madrugada desta quarta-feira (01). Segundo as informações, o protesto não tem previsão para terminar.

Bloqueio iniciou desde a madrugada

Desde o mês passado, os indígenas estão bloqueando diversas rodovias do Maranhão e na MA-014 as manifestações duraram ao menos todo o dia. O protesto é contra o PL 490, que trata sobre demarcação de terras, em votação no Supremo Tribunal Federal, que será retomado nesta quarta, em Brasília.

O local exato da manifestação fica no povoado Itaquaritiua, que liga os dois municípios pela rodovia estadual é a principal saída da maioria das cidades da Baixada Maranhense. Apenas ambulâncias estão passando. A manifestação reforça a luta natural dos indígenas de todo o Brasil, que protestam desde o início da semana na Esplanada dos Ministérios em Brasília.

O movimento é contra as medidas que dificultam a demarcação de terras, citadas Projeto de Lei 490. Se aprovada, a proposta impede os povos indígenas de obterem o reconhecimento legal de suas terras tradicionais se lá não estavam fisicamente em 5 de outubro de 1988, dia da promulgação da Constituição Federal, ou se não tinham nesta data uma controvérsia possessória de fato ou judicializada. Essa tese é conhecida como “marco temporal”.

3 respostas para “Índios Gamellas voltam a bloquear MA-014 entre Matinha e Viana sem previsão de liberação”

  1. A verdade é que este povo do itaquaritiua, nunca foram índios, estão querendo ser índios de uns 5 anos pra cá, todos tinham seus pedaços de terras, foram vendendo e agora só tem os seus lugares de casas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *