Em reunião com Carlos Brandão, vice-prefeito Narlon Silva pede recuperação da Estrada do Peixe, em Matinha

O vice-prefeito da cidade de Matinha, Narlon Silva, vem fazendo um mandato com grande destaque ao lado da gestora da cidade, Linielda de Eldo. Nesta segunda-feira, 26, ele esteve reunido com o vice-governador do Maranhão, Carlos Brandão, e discutiu melhorias para o município, em diversas áreas.

Vice-prefeito e vereador se reuniram com Carlos Brandão

O encontro foi realizado em São Luis, com a participação do deputado estadual Adelmo Soares; do vereador de Matinha, Júnior Pereira; do secretário de estado da Infraestrutura, Clayton Noleto, e com o contador Tomires Júnior.

De acordo com as informações, entre as reivindicações levadas pelo vice-prefeito está a recuperação da Estrada do Peixe, que liga o povoado de Itans à sede de Matinha, e importante acesso para escoar a produção de pescados da cidade referência em piscicultura no Maranhão. Como encaminhamento, Carlos Brandão informou que deverá viabilizar recursos junto ao Governo do Estado para atender o pleito.

Ao comentar a agenda, Narlon disse que, com a recuperação da Estrada do Peixe, além de servir para o tráfego cotidiano de pessoas de dezenas de povoados, serve também para o transporte de insumos necessários à piscicultura e ainda, para o escoamento da produção de peixes. Ele disse que tem concentrado todos os seus esforços para ajudar, através de seu mandato como vice, o povo de Matinha.

“Durante o meu mandato como vice-prefeito, quero dá a minha contribuição a todos os matinhenses, como forma de gratidão àqueles que me creditaram este mandato”, concluiu.

3 respostas para “Em reunião com Carlos Brandão, vice-prefeito Narlon Silva pede recuperação da Estrada do Peixe, em Matinha”

  1. meu futuro prefeito Narlon, sempre olhando para os mais pobres. Parabéns Narlon.c ontinue nesse rumo que terás futuro

  2. Uma obra inaugurada no final de 2019 ainda nem faz dois anos e já esta precisando de recuperação, isso mostra a total falta de compromisso com a coisa publica, é sempre assim eles fazem um serviço de péssima qualidade para poder usar como obra eleitoreira de dois em dois anos. Todos politicamente canalhas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *