Morre aos 90 anos Dona Andrelina, professora e uma das maiores lideranças católicas de São João Batista

Morreu na manhã desta terça-feira, 13, a professora e uma das maiores lideranças da Igreja Católica da cidade de São João Batista, Andrelina Serra Nunes Santos Jacinto, conhecida popularmente como Dona Andrelina, aos 90 anos.

Dona Andrelina morreu aos 90 anos

Segundo as informações chegadas ao Blog do Jailson Mendes, a professora foi internada no Hospital do Servidor, em São Luis, onde teve uma parada cardíaca e não resistiu. O corpo da líder religiosa será enterrado na capital mesmo, numa cerimônia a ser marcada pelos familiares.

Dona Andrelina marcou a história da Igreja Católica em São João Batista, criando o grupo do ‘Sagrado Coração de Jesus’, do qual foi coordenadora, foi ministra e catequista por vários anos. Ela também participou de movimentos sociais como a Comissão Pastoral da Terra, grupo da igreja voltado à defesa dos sem-terra no Maranhão.

Ainda na cidade foi diversos anos professora da Rede Pública Municipal e há algumas décadas teve que se mudar para São Luis, onde continuou lecionando e cuidando do marido, João dos Santos Jacinto, que morreu há alguns anos. Lideranças políticas e comunitárias estão divulgando mensagens em solidariedade aos familiares e destacando a contribuição e o papel importante no fortalecimento da fé cristã deixado por Dona Andrelina.

“É com tamanha dor que soube neste momento do falecimento de nossa então querida amiga Dona Andrelina Nunes Santos Jacinto. Um grande nome da Igreja católica que certamente deixará uma lacuna. Que Deus conforte a todos os familiares. Meus sinceros pêsames”, disse o servidor Guilherme Abreu.

6 respostas para “Morre aos 90 anos Dona Andrelina, professora e uma das maiores lideranças católicas de São João Batista”

    1. Obrigado pela homenagem a minha avó, estamos de luto, tristes, mas consolador por saber que ela está na morada eterna junto do Pai, foi recebida de braços abertos pelos seus filhos Lauber e Byron e seu marido João.

  1. Dona Aindrelina foi uma mulher extraordinária. Religiosa, exemplo de fé, professora por amor. Fez o magistério depois que já estava na fase de avó. Durante os anos que morei na casa dela foram de aprendizados. Que Deus conceda um caminho de luz. Será uma exímia missionária na morada eterna.

  2. Andrelina dos Santos Jacinto, querida por toda a sociedade joaninha, sábia, guerreira dedicada.
    Andrelina de João Souza, família exemplar, filhos maravilhosos.
    Amigos queridos, verdadeiros!!!
    Se na Matriz ainda tivesse o sino, agora Deveriam está badalando as badaladas da Saudade.!!!
    Os nossos sentimentos a todos os familiares.
    Por tudo de bom que fez por aqui, seu lugar no Céu está garantido.
    Já está nos braços do PAI.

  3. Minha avó, quanta sabedoria ela tinha e nos deixou muitos ensinamentos, que agora vai fazer morada na casa do Pai nos deixando com eterna Saudades .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *