Médico cubano que prestava serviços em Arari morre de Coronavírus aos 52 anos

Um médico cubano que prestava serviços ao município de Arari morreu no início da noite desta quarta-feira, 19. Segundo as informações passadas ao Blog do Jailson Mendes, trata-se de Noel Fonseca, de 52 anos.

Dr. Noel e sua esposa / Foto: Reprodução

Ele foi diagnosticado com o vírus da Covid-19 em Arari e teve que ser transferido para São Luis, onde morreu. Ele sofria de outras complicações como diabetes e teve uma parada cardíaca, segundo as informações colhidas pelo blog.

Dr. Noé, como era mais conhecido em Arari, prestava serviços ao município de Arari desde as primeiras edições do Programa Mais Médico, implantado nos governos do PT. Mais recentemente, a família também tinha negócios do ramo de remédios na cidade.

Ele morava com Diusca Ortiz e tinha um casal de filhos. O corpo deve chegar na madrugada desta quinta-feira, e deverá ser enterrado em Arari.

2 respostas para “Médico cubano que prestava serviços em Arari morre de Coronavírus aos 52 anos”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *