Confusão entre funcionários da lotérica de São João Batista acaba em Boletim de Ocorrência

Uma confusão terminou em Boletim de Ocorrência na manhã desta terça-feira, 24, em São João Batista. Um funcionário está sendo acusado de agredir uma atendente no interior da lotérica do município durante o expediente. No facebook, uma parente da vítima denunciou o caso.

Caso foi denunciado à polícia

Segundo o boletim, encaminhado ao Blog do Jailson Mendes, um funcionário identificado como Eliedson Soares agrediu fisicamente uma funcionária, identificada como Núbia Gomes Silva. De acordo com o depoimento, Núbia informou que tentou ir ao banheiro e, ao pedir licença, tocou no braço do outro funcionário usando luvas.

Ela contou que ele se exaltou e a agrediu com três tapas no braço esquerdo e chutes na altura da bunda para as costas e que ele ainda a empurrou para a fora da lotérica. Ainda segundo o depoimento de Núbia Gomes, o funcionário ainda a ameaçou de tirá-la do emprego.

Ao blog, Eliedson negou o fato, disse que não teve agressões e que tudo não tratou ser uma brincadeira. Ele classificou a situação com um ‘pequeno desentendimento’ e que ela tentou passar a luva que usou no trabalho em seu rosto, mas que não teve nada demais nem da sua parte e nem da dela. Ele também contou que costuma brincar com a funcionária e que está tomando todas as medidas necessária dentro do estabelecimento para conter o avanço do Coronavírus.

Em conversa com o blog, o delegado do município confirmou a denúncia feita pela suposta vítima, mas disse que não constatou nenhuma lesão aparentemente e que por isso pediu que fosse feito o corpo de delito para constatar possíveis agressões e agir de acordo com as medidas possíveis. A gerente da lotérica informou que não tem nada a declarar e que irá conversar com os funcionários.

 

 

8 respostas para “Confusão entre funcionários da lotérica de São João Batista acaba em Boletim de Ocorrência”

  1. Três tapas e vários chutes numa “brincadeira” é quase Lei Maria da Penha. Enquanto a mulher for à errada da história NUNCA sairemos desse mundo machista.
    #cancelapinininho

  2. Isso não pode acontecer num ambiente de trabalho. Quero ver a posição da gerente da lotérica.
    Espero que as medidas cabíveis sejam tomadas. (Providencias delegado).

  3. Repúdio a tal atitude, sem menos Ou mais quanto ao teor da injúria. Que seja processado e condenado para aprender a respeitar o limite da vida de terceiro, nem sempre em um pessoa, anda uma só, ali tem: mãe, filha, irmã etc…
    #justiça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *