Bispo Serejo é homenageado na Câmara de São Luis por atuação no primeiro concurso de agentes e inspetores do estado

O advogado João Bispo Serejo foi homenageado nesta sexta-feira, 15, pela Câmara de Vereadores de São Luis durante sessão solene destinada a comemorar os 30 anos da primeira turma aprovada em concurso público de Agentes e Inspetores Penitenciários do Maranhão.

A sessão foi pedida pelo vereador Cezar Bombeiro. João Bispo Serejo, de Cajapió, foi o primeiro instrutor da turma de agentes penitenciários do Maranhão e recebeu a comenda das mãos do parlamentar, em São Luis.

Em conversa com o Blog do Jailson Mendes, Bispo Serejo agradeceu a honraria e disse que fazer parte da primeira turma no estado é motivo de muita satisfação e receber homenagem da câmara fortalece a categoria. Ele também agradeceu o autor da proposta, vereador Cézar Bombeiro, que é agente penitenciário e integrante do grupo dos primeiros concursados.

O parlamentar disse que é preciso homenagear todos os agentes penitenciários responsáveis pela segurança, ordem e disciplina interna das unidades prisionais, que mesmo enfrentando elevado risco de vida no exercício profissional, continuam fiéis a missão de um trabalho, sério, digno e bem respeitado dentro das principais segmentos institucionais e da sociedade civil organizada.

Em reconhecimento aos importantes trabalhos realizados por vários colegas, inclusive alguns que acolheram os primeiros concursados, Cézar Bombeiro e a Câmara Municipal homenagearam com placas os agentes penitenciários João Bispo Serejo, Oriosvaldo Silva, Venância Martins Albuquerque e Jocerlam Amorim Fonseca.

Blog do Jailson Mendes

Uma resposta para “Bispo Serejo é homenageado na Câmara de São Luis por atuação no primeiro concurso de agentes e inspetores do estado”

  1. Parabéns ao Dr Bispo Serejo pelo merecido reconhecimento. Homem íntegro de posições definidas e uma ficha laboral respirável em prol da segurancs pública do estado. Tem nosso respeito e merece outras oportunidades em sua vida pública em benefício sempre da população.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *