Direção do ‘Acrísio Figueiredo’ lança nota sobre denúncias de racismo em São João Batista

O Centro de Ensino Acrísio Figueiredo manifesta publicamente seu total repúdio a todas as atitudes preconceituosas que incidam negativamente nos relacionamentos humanos, quer sejam praticados dentro ou fora do ambiente escolar e registra sua preocupação com o tradicional e bom nome da instituição educacional que se manterá orgulhosa e condignamente pelos anais da história joanina.

Recentemente, fomos surpreendidos com o lamentável e incidental fato, nas dependências da escola, que se configura nos moldes racistas, onde uma de nossas alunas foi vitimada por agressões morais anônimas e administrávamos o problema com a julgada necessária discrição, a fim de não avultá-lo, mas tomávamos as medidas necessárias à elucidação e devida aplicação das normas regimentais da escola.

Infelizmente o sigilo foi quebrado e o fato foi noticiado à opinião pública, gerando comentários diversos, fundados na concepção do nobre respeito pelo ser humano e, evidentemente, repudiando a ocorrência, condenando o(a) anônimo(a) autor de prática indigna, impensada, pois acreditamos que o alcance foi além do possivelmente imaginado pelo(a) autor(a).  Preocupamo-nos com o novo quadro do problema e evidentemente com a forma de conduzi-lo, no entanto, continuamos firmes com nossos compromissos e responsabilidades educativas, agora com especial rigor e maior cuidado com a disciplina e a conduta interpessoal do Corpo Discente e suas necessidades formativas.

O fato ocorrido recentemente contra uma de nossas alunas, praticado por um(a) colega, é extremamente lamentável e chama a atenção para a necessidade urgente de discutirmos mais profundamente o racismo e toda e qualquer forma de discriminação, tanto no âmbito escolar como em nossas reuniões com as famílias. Com esta consciência, e voltados para o cumprimento das responsabilidades pedagógicas, assumimos o compromisso com a aluna envolvida e com a comunidade joanina, de tomarmos as providências que contemplem a remediação do caso, prosseguindo as ações iniciadas antes da divulgação do fato.

Assim, solidarizamo-nos com todos que têm sofrido algum tipo de constrangimento e discriminação e reafirmamos o compromisso com a promoção da igualdade étnico-racial em nossa escola. Aproveitamos para agradecer a todos que se mostraram solidários com o problema e zelaram opiniosamente pelo bom nome da instituição.

À Direção


Em tempos de desinformação, o Blog do Jailson Mendes reforça o compromisso com o jornalismo profissional, comunitário e de qualidade. Nossa página produz diariamente informações na Baixada Maranhense de forma responsável e que você pode confiar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.