Justiça dá 48 horas para prefeito de São João Batista nomear oito pessoas do concurso de 2010

Juiz Ivis Monteiro

Uma decisão assinada pelo juiz Ivis Monteiro Costa dá 48 horas para que o prefeito João Dominici emposse oito pessoas que foram aprovadas no concurso público de 2010 em São João Batista.

O certame foi feito durante a gestão de Eduardo Dominici, mas foi anulado pela então prefeita Surama Soares, que assumiu a gestão após a cassação do prefeito eleito. Em 2014, a juíza Odete Maria Pessoa Mota anulou o decreto da prefeita e mandou o prefeito da época, Amarildo Pinheiro, empossar os que ingressaram na justiça.

O então prefeito empossou todos os aprovados e alguns outros deste mesmo concurso, mas não empossou os demais autores desta ação que o juiz julgou esta semana. Agora, em nova decisão, o juiz mandou o prefeito João Dominici cumprir a sentença e deu 48 horas para que faça a nomeação de mais oito profissionais.

“Intime-se o Município de São João Batista, na pessoa de seus representantes legais, o Prefeito João Cândido Dominici e o Procurador Geral do Município, para que, no prazo de 48 (quarenta e oito) horas, promovam a nomeação e posse dos requerentes” Ivandete Marques Trindade, Kaciane Leal Silva, Hirlandia Maria Ferreira Azevedo, Kamilza Costa Cerqueira, Flávia Cristina Sodré, Cléa de Jesus Cirqueira Santos, Patrícia Ferreira Gonçalves e Roberta Alves Araujo ao cargo de Técnico em Enfermagem deste município,”, disse o juiz.

Folha de SJB

3 respostas para “Justiça dá 48 horas para prefeito de São João Batista nomear oito pessoas do concurso de 2010”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *