Motocarreata marca protestos em São João Batista

Uma motocarreata marcou os protestos contra a violência, corrupção e contra as denúncias envolvendo folhas de pagamentos do Fundeb em São João Batista. O evento foi organizado por professores e da população em geral.

O vice-prefeito Junior de Fabrício, que assumiu a administração durante uma semana após o afastamento do atual prefeito Amarildo Pinheiro, também participou da manifestação.

Durante esse tempo, foram divulgadas diversas folhas com supostas irregularidades envolvendo pagamento de pessoas com o dinheiro do Fundeb, fato que motivou as manifestações de hoje. Liderados por professores, o movimento saiu do povoado Campinas e passou pelas ruas da cidade de São João Batista.

Discursos contra a corrupção, contra os desmandos e contra a situação política e administrativa em nossa cidade foram proferidos. Os manifestantes levaram cartazes, balões e carros de som para o movimento que só acabou ainda pouco. Vejam as fotos.

Folha de SJB

10 respostas para “Motocarreata marca protestos em São João Batista”

  1. POR ONDE ANDA OS VEREADORES O PREFEITO ÁH JÁ SEI ESTÃO BEBENDO CHOPP COMEMORANDO A LIMINAR, CAMBADA DE
    POVO DA MINHA TERRA NÃO REELEGEM ESSES VEREADORES QUE AI ESTÃO

  2. Esse Prefeito está gastando o dinheiro de sjb todinho em São Luís fazendo kitnets, o dinheiro tem que ser gasto é aqui em sjb com obras.

  3. Junior de Valdez deve carregar faixa com o nome do Fantasma Edvilson, que recebe salario sem trabalhar kkkkk
    Neide diz está doente, o médico que dá atestados precisa olhar boazinha querendo mamar na prefeitura
    Junior de Fabricio é marajá da camara de vereador de São Luis bom exemplo
    Os Valdez são honestos, Edvilson ficou inelegível da Camara de vereadores de São João Batista. Junior enquanto recebia como bioquimico e não trabalhava era toda hora Amaral pra ca e carneiro assado na casa de seu pai na Ponta do Engenho
    Carão irmão de Dr. Zequinha vivia na casa de Amaral foi só receber uma nomeação e ganhar sem trabalhar; Memenca trabalha onde mesmo? Valdeci agora vai ter uma matricula na Raposa uma em Santa Rita e a do estado ele vai procurar para Luis Everton do PC do B, onde ele vai trabalhar kkk

  4. Todo ato de manifestação é digno é válido, e essas açãoes populares geralmente NÃO TEM PARTIDO, são pessoas que se mostram insatisfação com de seus governantes, não se sentem representados por uma administração negligente, que se resume em descanso e um enorme abandono em nossa cidade.

    Estão de parabéns ?

  5. Só podia ser um Ze ruela mesmo, porque Luiz Everton não teve vez nem na cozinha de Flavio Dino pra lavar prato, vai ter pra tirar o melhor professor de matemática do municipio?
    Conta outra Ze ruela hehehehehe

  6. A manifestação foi organizada por professores indignados com tamanha falta de respeito com o povo joanino. Se algum político aproveitou esse momento para se fazer presente foi por puro oportunismo. Não representamos nenhum grupo político nem pedimos qualquer tipo de apoio a ninguém que não fosse professor. Isso não significa que cada um dos organizadores não tenham suas preferências políticas dentro deste município. Apenas não as levamos para o movimento.

  7. Estão de parabéns professores,falta mais coragem ao povo como um todo para lutar por seus direitos pois, ficarmos calados é que não dá com tamanha injustiça e corrupção.

  8. A manifestacao de ato publico nao e prerrogativa somente de professores… Todos os cidadaos do territorio podem/devem se nanifestar quando o contexto assim o exigir… Para isso, os manifestantes tem de usar moderadamente dos meios e ter condicoes morais para dar consistencia as suas reivindicacoes. O municipio esta cheio de exemplos de manifestantes que sao verdadeiros cabo-eleitorais. Isso tem dificultado a confianca da populacao em tais pessoas e eventos…. Espera-se que o movimento seja CONSISTENTE, COERENTE E JUSTO. Jamais uma mera reacao a um quadro politico turbulento de disputa pelo poder.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *