PREFEITA DIZ QUE JÁ DOOU TERRENO AO IEMA DE SÃO VICENTE FERRER

Prefeita de SVF, Maria Raimunda

A Prefeitura de São Vicente Ferrer, a 275 Km de São Luís, doou um terreno como contrapartida para a construção de uma unidade do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão no município, em uma parceria com o governo do Estado. O Iema foi criado no dia 02 de Janeiro de 2015 com o intuito de ampliar a oferta de educação profissional técnica de nível médio no Estado.

A proposta do governo Flávio Dino é implantar o Instituto em 23 municípios até 2018, oferecendo à sociedade estrutura para o ensino, pesquisa e extensão, respeitando as necessidades de cada local. O modelo de ensino integrado se espelha em outros que já estão dando certo em estados como o Ceará e Pernambuco e é embasado na formação integral do trabalhador, prevista na Lei nº 11.741/08 e na resolução 120/2013-CEE.

Segunda a prefeita de São Vicente Férrer, Maria Raimunda, a implantação do Iema em São Vicente Férrer mudará a realidade dos jovens do município que terão oportunidade de se qualificar para o mercado de trabalho. “Investir em Educação significa trazer desenvolvimento para o Município, para o Estado e preparar os nossos jovens para uma futura profissão”, disse.

Parcerias e contenção de gastos

Maria Raimunda afirmou que a atual gestão vai buscar outras parcerias com o governo do Estado para colocar em prática uma série de ações importantes, principalmente, nas áreas de Saúde, Educação, Infraestrutura, etc. De acordo com ela, mesmo com todas as dificuldades financeiras, a administração municipal já investiu em urbanização, reforma de praças, iluminação, merenda escolar, etc.

Na semana passada, a prefeita  anunciou a redução do próprio salário e também dos vencimentos dos secretários municipais. A medida visa cortar gastos e reequilibrar as finanças do Município que, como todo o Brasil Brasil, tenta driblar a crise econômica, que tomou conta do país, e a baixa nos repasses federais que já foram diminuídos em 35%. Com informações do Blog da Silvia Tereza.

Folha de SJB

6 respostas para “PREFEITA DIZ QUE JÁ DOOU TERRENO AO IEMA DE SÃO VICENTE FERRER”

  1. Isso que esta postado na folha de são João Batista, e a prefeita de São Vicente de ferrer, ou e uma sapo cururu, pense num cão feio. Eu não passaria uma noite com um coisa dessa, nem que ele mi desse o dinheiro desviado da prefeitura inteira. Pense num cão feio.

  2. A única pessoa que estar feliz em nossa cidade com o acontecimento que houve no Banco do Brasil e o Prefeito, agora que ele não vai pagar os funcionário, o dinheiro dele ele pode sacar na Capital, afinal de conta ele não residem em São João Batista, o povo que si dane.

  3. Caro amigo Jailson Mendes, você que estar residindo em são João Batista, você ver alguma possibilidade em Amarildo construir a sede do conselho tutelar do nosso Município, eu particularmente acho que ele vai dar prioridade ao Ministério Publico, por que ele tem algumas pendência na Justiça e não vai querer peitar com a Justiça, você já sabem como anda a carruagem, primeiro os mais forte depois os oprimidos. Ele como já e velho conhecido em nossa Cidade, e só promessa quem sabem ele não lhe prometa a construir a sede após o resultado da próxima eleições
    Caso ele venha a construir nos todos esperamos, evitem que rico seja o engenheiro, porque ele nunca deu uma dentro, quando não vem abaixo, sai torto. ele parece o tripa de galo pai do vereador louro, tem as lanternas trocadas.

  4. Na semana passada a prefeita mentiu como é de costume, essa história de reduzir salário é conversa pra boi dormir, ela recebe todo dia PIXULECO das notas frias emitidas por empresas vencedoras de processos de licitações fraudadas pelo seu tesoureiro Manoel Pacheco, seus filhos Linda e Magno, seu pregoeiro Marcio e sua esposa Ticiana. Essa é a verdade. Quanto ao terreno: NÃO FEZ MAIS QUE OBRIGAÇÃO, a obra é orçada em aproximadamente 12 milhões. Nunca na história São Vicente teve tamanho benefício, o governo do estado demonstrou, com essa decisão, que os municípios com baixo IDH, IDEB entre outros precisam de investimentos para alavancar o desenvolvimento. Se dependesse da vontade dessa prefeita ela, quero dizer, o município jamais teria doado o terreno já que esta obra vai ser licitada e gerenciada pelo ESTADO, tirando, então, a possibilidade de fraude na licitação e o PIXULECO DA AÍA fica só na vontade.

  5. Tem cheiro de pilantragem no ar… A prefeita está afirmando que doou o terreno para a construção do IEMA de São Vicente Férrer, só que o terreno que a prefeita se refere tinha como POSSEIRO o ex prefeito Nonato Pinto, portanto seria impossível ser doado pelo município. Existe a necessidade da prefeita separar o trigo do joio, o público do privado. Segundo informações a área pertence ao ITERMA e esse órgão sim fez a transferência da área para o projeto de construção do IEMA. Afirma também a prefeita que pagou a quantia de R$ 100.000,00 pelo terreno o que juridicamente seria impossível por esta área não pertencer e nem ter registro, segundo o vereador ex titular do cartório de registro de imóveis, em nome do ex prefeito Nonato Pinto. Vamos pedir ao Ministério Público para investigar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *