AÇÃO CONJUNTA REALIZARÁ AUDIÊNCIA PÚBLICA PARA DISCUTIR SEGURANÇA EM SÃO JOÃO BATISTA

Uma ação conjunta de organizações da Sociedade Civil e Poderes Públicos discutiram ações para combater a insegurança pública na cidade de São João Batista. O encontro de organizações da Sociedade Civil, Poder Executivo e Legislativo foi realizado nesta quarta-feira, na Câmara de Vereadores. A realização desta reunião foi anunciada na Rádio Beira Campo pelo vereador Mecinho, um dos principais organizadores. Entre as ações, estão a realização de uma audiência pública com toda a sociedade e ações administrativas a médio prazo.

O encontro contou com a participação do prefeito da cidade, Amarildo Pinheiro, secretários municipais (Carlos Figueiredo, Zé de Beija, Aguiar Santos, Marçal Everton e Fernando Santos), vereadores (Mecinho, Louro, Luiz Everton, Cristina Figueiredo, Luiz Everton, Renato Machado, Dezinho e Chico de Nhozinho) e membros de organizações como Conselho Municipal de Juventude e Fórum da Juventude (Jailson Mendes, Dunga, Hyldilene Santos), Sindicatos dos Trabalhadores e dos Professores (Dino Martins e Israel Melônio), Igreja Católica e Evangélicas (Luis Carlos, Irmão Augusto, Lulica e o pastor Gildo Lopes), Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Joseilson Costa), Conselho Tutelar (Ronne Baduca), Casa da Cultura (Pérsia Figueiredo e Denis Abreu) e representantes de outros seguimentos sociais.

Após uma mesa de abertura, mediada pelo presidente da câmara, onde todos colocaram propostas para melhorar a área de segurança, foi realizada uma mesa redonda para fechar acordos com a administração municipal, onde o prefeito antecipou que já contactou com o corregedor geral do Ministério Público, Dr. Kananda Meireles, e ficou de enviar convites ao secretário de estado da Segurança Pública e outros órgãos competentes para se fazerem presentes na audiência, que todos decidiram por ser realizada no dia primeiro de julho deste ano.

Logo depois, os presentes cobraram do prefeito medidas administrativas emergenciais como a regulamentação dos Guardas Municipais, que devem ir pra rua melhorar a questão do trânsito e a realização de concurso público para os guardas, anunciado pelo próprio prefeito. Uma comissão organizadora, formada por representantes de organizações e pelo Poder Executivo e Legislativo foi instalada e se reunirá na próxima terça-feira para organizar a audiência pública.

Folha de SJB

7 respostas para “AÇÃO CONJUNTA REALIZARÁ AUDIÊNCIA PÚBLICA PARA DISCUTIR SEGURANÇA EM SÃO JOÃO BATISTA”

  1. Isso não vai resultar em nada, vcs querem ver? Luis Ewerton que se promover e Amarildo que dizer que faz algo. Não vai dá em nada. Temos que só esperar e rezar para passar rápido a gestão de Amarildo e não eleger ninguém que faça parte do grupo dele. Vamos apostar na mudança, na juventude, e colocar pessoas que são boas de coração.

  2. Essa é a prova do descrédito que o povo estava tendo de seus representantes!Kd o “povo”,assim dizendo para participar das discussões e dar seus testemunhos sobre o que vem acontecendo em sjb,nesse casa sobre a questão da segurança pública!

  3. Reunião na câmara, com Amarildo e Luiz Everton só pode comparecer babão. disconfianca total, Ninguém comparece. Loro, infelizmente agora tu só vai ganhar medalha de corrupto de dividir com o prefeito o cascalho.

  4. verdade fabinho loro merece é medalha de corrupto,,,,,olha primeiro inventou que ia vender casa so para enganar os besta e agora comprou um carrao,,,,vixe maria sera de onde ta saindo tanto dinheiro,,,,,porque salario de vereador nao da para tudo isso,,,,kkkkkkkkkkkkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *