POLÍCIA PRENDE CONDENADO A 10 ANOS POR MORTE DE MORADOR DO POVOADO LARANJAL

A Polícia Civil da cidade de São João Batista prendeu ontem, 27 de abril, o condenado pela justiça Raimundo Anastácio Costa, conhecido popularmente como ‘Raimundo de Cotinha’. Ele foi condenado pelo Juri Popular da nossa cidade a cumprir uma pena de mais de 10 anos de prisão em regime fechado, por ser considerado culpado de matar Francisco Carlos Souza Reis, conhecido como ‘Coroca’.

Uma das sessões do Juri Popular realizado em São João Batista no passado

O crime, segundo as informações da justiça, aconteceu em 2002, no povoado Laranjal, zona rural da nossa cidade. Segundo reflete a denúncia, em 28 de maio do ano de 2002, policiais civis e militares lotados na delegacia de Polícia de São João Batista se deslocaram até o povoado Laranjal, com o propósito de averiguarem informação acerca do desaparecimento da vítima. Lá chegando, foram informados que o cadáver havia sido encontrado nas matas do Povoado Buraçanga, com perfurações produzidas por arma branca.

Ainda segundo os autos, foi apurado na fase policial, os indícios apontam para a autoria dos denunciados José de Ribamar Costa e Raimundo Anastácio Costa, o quais, além de terem rixa com a vítima, foram vistos em companhia desta no dia do seu desaparecimento (26/05/2002), a uma distância de 50 (cinqüenta) metros do local onde o corpo foi encontrado, oportunidade em que o primeiro estava armado com dois facões e o segundo com uma faca peixeira em uma mão e um litro de cachaça na outra.

No começo do ano passado, após 10 anos, ele foi julgado, mesmo estando foragido, e considerado condenado pelo Tribunal do Juri, presidido pela juíza Jaqueline Rodrigues da Cunha e acusado pela promotora de justiça, Maria do Nascimento Carvalho Serra. No mesmo dia foi julgado também o ajudante dele, José de Ribamar Costa, que foi condenado também Seis anos e seis meses de reclusão em regime semiaberto, este tinha como advogado de defesa Cícero Carlos de Medeiros.

Segundo a polícia, Raimundo de Cotinha foi preso em Matinha, onde estava morando e está agora preso na Delegacia de Polícia Civil, mais vai para a Penitenciária de Pedrinhas. Com informações da Polícia Civil de São João Batista.

Folha de SJB

2 respostas para “POLÍCIA PRENDE CONDENADO A 10 ANOS POR MORTE DE MORADOR DO POVOADO LARANJAL”

  1. gostaria de parabenizar Jailson Mendes pela materia,pois o mesmo nao ficou em informaçoes superficiais pesquisando a fundo o assunto em questao,é assim que se produz um jornalismo sério e comprometido com seu leitor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *