LUTA DE BASTIDORES, POR JERSAN ARAÚJO

A governadora Roseana Sarney e seus correligionários têm pela frente a dura missão de eleger, indiretamente (os deputados são os únicos eleitores), o seu candidato a governador, Luís Fernando Silva ou o vice-presidente da AL, Max Barros, para sucedê-la na chefia do Poder Executivo, concluir o seu mandato e presidir o pleito de 2014. O trabalho de bastidores está sendo direcionado para conquistar apoio aos dois nomes de sua preferência e de confiança. Mas, o presidente da Assembleia Legislativa, Arnaldo Melo tem afirmado a amigos que não abrirá mão de disputar o cargo de Roseana, e, como ele tem um bom relacionamento e boa convivência com a quase totalidade dos colegas deputados (e eleitores únicos), considera-se convenientemente legitimado para concorrer e, quem sabe, vencer a disputa. 

A tentativa dos deputados Domingos Dutra e Bira do Pindaré (ex-petistas) de barrar, na Justiça, a indicação de Washington Luís (vice-governador) para ocupar a cadeira do ex-conselheiro e atual assessor do TCE, Yedo Lobão, obteve vitória na Justiça, com a concessão de liminar que suspende o processo até o julgamento do mérito. 
Como se pode observar a oligarquia fragilizada e repudiada pela opinião pública ainda mostra fôlego na Assembleia Legislativa, onde conta com o apoio de pelo menos 30 dos 42 parlamentares. A aprovação do nome de Washington Oliveira para o TCE, pela AL, foi uma determinação dela que coincide com os interesses do presidente Arnaldo Melo. Hoje, sub-júdice, o novo conselheiro é uma pedra fora do sapato da governadora que só se desincompatibilizaria do cargo para ser candidata ao Senado, em 2014, se eleger para sucedê-la, em eleição indireta e em tempo hábil Luís Fernando Silva ou Max Barros. 
O vice-governador foi chancelado conselheiro do TCE, a pela AL na manhã de quinta-feira. O prazo de 20 dias dado à Comissão Especial encarregada de examinar o processo e emitir parecer foi cumprido em 24 horas. À tarde do mesmo dia o juiz Edilson Caridade expediu liminar suspendendo o processo até o julgamento do mérito. A Mesa da AL vai tentar derrubar a liminar. 
ENCONTRO DO PSDB 


No próximo dia 05 (quinta-feira) o PSDB estará reunido em Belém – PA para discutir e encaminhar estratégias com vistas às eleições de 2014. A deputada Gardênia Castelo e o deputado Neto Evangelista, além do presidente da sigla no Maranhão, Carlos Brandão já garantiram participação no encontro que deverá contar com a presença do pré-candidato à sucessão de Dilma Rousseff, senador Aécio Neves (PSDB-MG). O ex-prefeito João Castelo, também, é presença indispensável no evento. 
Outra presença garantida é da vereadora e presidente da Câmara Municipal de Bacurituba-MA, Osana de Jesus Costa, que comanda o partido no seu município. Aliás, informações recebidas pela coluna dão conta de que Osana está realizando um bom trabalho à frente do poder legislativo bacuritubense, com o indispensável apoio dos seus pares. 
CONTAS APROVADAS 
A Câmara Municipal de São João Batista, aprovou, na última quarta-feira (27), contrariando parecer do Tribunal de Contas do Estado, a prestação de contas do município, gestão do ex-prefeito Eduardo Dominici, exercício de 2008, por oito votos a três. O parecer do TCE recomendava a rejeição das contas apresentadas pelo ex-prefeito Eduardo Dominici, mas a maioria dos vereadores não levou em conta os argumentos do conselheiro – relator, e aprovou a prestação de contas. 
PAULO HELDER 
O ex-procurador geral do município, na gestão do então prefeito Tadeu Palácio, Paulo Helder, será mesmo candidato a senador, em 2014, pelo PSL dirigido no estado pelo vereador Chico Carvalho. Hoje, como controlador da Câmara Municipal de São Luís, Paulo Helder divide o tempo entre o exercício da função e os contatos políticos. É um nome novo na política maranhense (da mesmice) que pode ser considerado como uma opção de renovação tão almejada pela sociedade. 
AMARILDO 
O prefeito Amarildo Pinheiro, de São João Batista, recebeu, na última sexta-feira, em São Luís as chaves de uma caçamba adquirida do Ministério da Agricultura para atender as demandas dos serviços em andamento no município que já conta com três máquinas agrícolas adquiridas no mesmo ministério, através de convênios. 
PAGAMENTO 
A Câmara Municipal de São Luís resolveu, na última sexta-feira, pagar os servidores contratados e que deverão ser exonerados nos próximos dias. Pois é, para não pagar a Câmara tem, antes, que demitir. O atraso do pagamento gerou uma série de confusão, inclusive telefonemas ao presidente afastado Pereirinha e ao que responde pelo cargo, Astro de Ogum, ameaçando-os de morte. E do jeito que a violência se agiganta, o melhor mesmo é ter muito cuidado. A bruxa tá solta, meu amigo. 
TRÂNSITO 
Resolver a caótica situação do trânsito em São Luís seria uma das prioridades da administração de Edvaldo Holanda Júnior. Aliás, na campanha ele dizia que tinha condições de pelo menos atenuar o caos. Promessa não cumprida: A situação piora a cada dia e nada, até agora, foi feito pela prefeitura. Fonte: Blog do Jersan Araújo.


Folha de SJB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *