COLUNA DO JERSAN: É MUITO DIFÍCIL…

Jersan Araújo
A numericamente minúscula bancada oposicionista com assento na Assembleia Legislativa tem feito barulho suficiente para tirar o sono da governadora Roseana Sarney. Mas, dificilmente conseguirá aprovar a pretendida Comissão Parlamentar de Inquérito para apurar irregularidades em convênios firmados com entidades filantrópicas e outros, que, comprovadamente, foram desviados dos seus objetivos, causando prejuízos ao erário, isto é, os serviços (objeto dos convênios) não foram executados e o dinheiro sumiu ou foi para o fundo do bolso de alguém. 

Sujeita a ser cassada, juntamente com o vice Washington Luís (PT), a governadora Roseana Sarney (PMDB), vai recomendar à bancada situacionista que rejeite essa proposta, pois basta o processo que ela e ele respondem, prestes a ser votado no Tribunal Superior Eleitoral por abuso de poder político e econômico, com grandes possibilidades de ser aprovado, porque o parecer do ex-procurador Roberto Gurgel é arrasador. Os ministros do TSE votarem contra os convincentes argumentos contidos no parecer contrariariam “a voz das ruas” clamando por Justiça neste país. 

Aos deputados da oposição cabe o dever de buscar explicações para as irregularidades praticadas pelo governo, e quanto mais barulho eles fizerem pior será para os beneficiários dessa maracutaia que envolve governo e entidades civis em nosso estado. 

MENSALÃO 

E segue, no Supremo Tribunal Federal, o julgamento dos recursos interpostos pelos advogados de defesa dos réus do mensalão. Mas os ministros, pela posição assumida até agora, rejeitando os Embargos de Declaração que visam amenizar as penas dos condenados, vão manter as decisões já tomadas, condenando os culpados pelo maior escândalo de corrupção já perpetrado no Brasil. 

A compra de parlamentares para reforçar a base de sustentação, na Câmara Federal, do governo Lula da Silva, acabou com essa desmoralização de deputados e partidos políticos envolvidos no escândalo, assim como figuras proeminentes como a do ex-ministro e ex-deputado José Dirceu, tido como o chefe dessa famigerada corrupção que assola o país. 

CANDIDATOS 

Os secretários estaduais que disputarão eleição em 2014: deputado federal Pedro Fernandes (Educação) disputará a reeleição; Aluísio Mendes (Segurança), também, será candidato a deputado federal; Cláudio Azevedo (Agricultura) e Ildo Rocha (Cidades) serão candidatos à Assembleia Legislativa. O deputado estadual e secretário de Saúde, Ricardo Murad, poderá ser candidato à reeleição ou a deputado federal; e Luís Fernando Silva (Infraestrutura) é o indicado pelo grupo Sarney à sucessão de Roseana. 

Ainda existem outros pretensos candidatos a cargos políticos nas eleições do próximo ano, que ocupam cargos de destaque na atual administração estadual, os quais preferem aguardar o desenrolar dos acontecimentos para decidirem o rumo que irão tomar. Com a possível cassação do mandato de Roseana, tem muita gente com “o pé atrás”. 

PARA O SENADO 

O senador Epitácio Cafeteira não será candidato à reeleição. A cadeira dele será disputada em 2014 por vários nomes do grupo Sarney e das oposições. Edmar Cutrim (conselheiro do TCE); deputado federal e ministro do Turismo, Gastão Vieira; e o deputado estadual Hélio Soares já declararam seus interesses nesse sentido, caso a governadora Roseana Sarney fique até o final do governo ou for cassada e, por isso, não puder disputar o cargo. 

O ex-governador José Reinaldo Tavares, o vice-prefeito Roberto Rocha e o deputado federal Domingos Dutra (ex-PT), igualmente, têm pretensões de chegarem ao Senado Federal. Eles precisam, antes de tudo, resolverem suas situações partidárias. Dutra deve ingressar na Rede Sustentabilidade que está sendo instituída e José Reinaldo e Roberto que pertencem ao mesmo partido (PSB) precisam saber quem fica e quem sai da legenda, pois “dois bicudos não se beijam”. 

PSDB/MA avalia cenário

Cautelosos, os dirigentes tucanos reuniram-se nesta sexta-feira (23), em São Luís, para discutir e analisar os rumos do PSDB maranhense. Mas a conversa tomou rumo diferente daquela propalada por setores ligados ao governo.

“Nossa reunião foi focada na filiação de novos membros”, disse o presidente da legenda, deputado federal Carlos Brandão. Ele destaca a abertura de novos diretórios nos municípios do estado, em inserção do partido levada ao ar, na televisão, na noite dessa sexta-feira.

Sobre as discussões partidárias referente à escolha que o partido fará em relação à sucessão para governador do estado, o líder tucano pondera que deverão, os parlamentares do PSDB, ouvir todos os interessados no processo eleitoral de 2014, inclusive a deputada Eliziane Gama (PPS). Fonte: Blog do Jersan Araújo.

Folha de SJB

Uma resposta para “COLUNA DO JERSAN: É MUITO DIFÍCIL…”

  1. Jersan Araújo Parabéns pelas suas palavras, dia 22/8/13 durante a noite quase vomitei com a propaganda eleitoral gratuita do PMDB, fizeram um coisa muito bem arquitetada para iludir a população, colocaram um ator negro, um branco e um ruivo para mostrar que o partido tem a cara do povo brasileiro, usaram a luta dos estudantes pelas Diretas Já, para enganar o povo e dizer que participaram dessa luta, eu digo que mesmo que alguns deles tenham participado, não adianta ter lutado no passado por melhoria, democracia e mudanças, se quando assumiram o poder com a maioria no congresso nacional se calaram diante das injustiças, há muito tempo o PMDB é o maior partido do Brasil e nunca fizeram a mudança necessária que o Brasil precisa, nunca lançaram candidatura própria à presidência para não correr o risco de sair do poder, estando sempre do lado vencedor para garantir emprego aos seus políticos e familiares nas tetas do governo federal. O PMDB é a prostituta desse nosso Brasil, sempre do lado dos mais fortes e nunca lutando pelos mais fracos desse país, corrompeu e destruiu a imagem do popular Luís Inácio Lula da Silva juntamente com o PT que no passado sempre estiveram nas lutas das classes menos favorecidas, mas hoje mamam nas tetas do governo junto com o PMDB numa aliança infame que não deixa o Brasil crescer. E enquanto nós cidadãos Brasileiros continuarmos a votar e eleger governadores, deputados federais e estaduais e senadores desse partido estaremos assinando o pacto da corrupção e o Brasil nunca mudará de verdade.
    Temos que fazer uma revolução nas urnas nas próximas eleições. Fica a dica…
    David Derik Aguiar Cutrim, sexta- feira 23/07/13.

Deixe uma resposta para DAVID DERIK AGUIAR CUTRIM Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *