POPULAÇÃO TIRA DÚVIDAS SOBRE O PROGRAMA ‘MINHA CASA, MINHA VIDA’ DO GOVERNO FEDERAL


Prefeito Amarildo

A Prefeitura Municipal de São João Batista e um grupo de empresários, que atuam no ramo da construção civil, promoveram nesta terça, 09 de abril, uma explanação para esclarecerem dúvidas sobre o Projeto “Minha Casa, Minha Vida”, do Governo Federal. 

O encontro contou com a participação do secretário chefe de gabinete do Poder Executivo, Assis Araújo; do secretário de Agricultura, Serginho Castro; da superintendente da Igualdade Racial, Ana Márcia; e do consultor da Secretaria Municipal de Administração, Francisco Morais.

No encontro estavam presidentes de associações comunitárias e líderes do Movimento Quilombola de São João Batista. Realizado no Centro de Convenções João Furtado Dominici, o evento reuniu um grupo de presidentes de associações de comunitarias, com objetivo de esclarecer e detalhar a viabilidade de execução do programa do Governo Federal nas comunidades.

Após vários debates foi constatado que os mesmos estavam momentaneamente impossibilitados de avançar, pois os documentos de suas entidades estariam retidas em mãos de outras pessoas, que representam algumas empresas e que a mais ou menos dois anos vem impedindo tal possibilidade de execução do projeto a estas comunidades da zona rural do município.

Devido a este fato ficou acertado que este material será exigido 0 retorno aos legítimos de tais comunidade ou representantes das comunidade. O prefeito Amarildo Pinheiro, após tomar conhecimento desta grave situação de denuncia e pelo fato de nunca se omitir aos grandes desafios que vem de encontro aos beneficios da população, informou ao Blog Folha de SJB que dará total apoio na viabilidade deste programa, que na opinião dele é um dos maiores projetos do governo federal aos cidadão brasileiro.
O prefeito atentou para o fato de muitos joaninos viverem bem próximos a margem da linha de pobreza estabelecida neste município. “Por ser este um patrimônio social de uma família venho de publico ratificar este sentimento de expectativa e apoio incondicional a estas famílias que por hora sentem-se lesadas e frustadas em seus sonhos”, afirmou o gestor de São João Batista.
Na tarde de ontem, o grupo de colaboradores, solicitados pelo prefeito municipal para dar apoio técnicos para estas pessoas, se reuniu com as comunidades quilombolas, que também estão sendo contempladas de forma mais rápida pelo programa do governo federal “Minha Casa, Minha Vida Rural”.Uma nova conversa haverá logo depois de resolvido a questão dita pelos moradores das comunidades presentes no encontro.


Folha de SJB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *