AGORA LASCOU: SINDPROF VAI PEDIR NA JUSTIÇA EXPLICAÇÕES SOBRE RATEIO

O presidente do Sindicato dos Professores de São João Batista, professor Israel Melônio, enviou nota ao Blog Folha de SJB, onde informa que vai entrar com uma ação no Ministério Público pedindo que a ex-prefeita Surama Soares e a ex-secretária de educação, Cleana Santos Jacinto, deem informações sobre o rateio do professores que este ano ainda não foi repassado.
Israel Melônio, Joran Sérgio e Cleana Santos Jacinto
De acordo com Israel Melônio, hoje pela manhã foi realizada uma reunião entre os membros da entidade e eles decidiram que ingressarão na justiça contra a atitude das ex-gestoras de não ratear a sobra do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica para os professores. A notícia veio logo depois de o presidente do Conselho do Fundeb e professor Joran Sergio declarar que deve votar contras as prestações de contas a serem apresentadas por ambas.

Em conversa com o Blog, Israel Melônio disse que só em dezembro a Prefeitura Municipal de São João Batista recebeu do Fundeb mais de um milhão e setecentos mil reais . “Se saiu tanto dinheiro do fundo então por que não houve rateio já que não tivemos aumento durante o ano? Então, tivemos uma reunião hoje com os professores e esperamos até o dia 31 e nada aconteceu”, afirmou Israel dizendo que vai ingressar na justiça contra as duas.

O professor reprovou a atitudes de Surama Soares e Cleana Santos Jacinto. “O Sindicato dos Professores de São João Batista não apoia esta situação tendo em vista que o rateio de 2011 foi pago corretamente e agora não sabemos por que não fizeram a mesma coisa”, disse. Israel Melônio ainda disse que o secretário de educação, Aguiar, já se reuniu hoje com os professores e prometeu manter diálogo permanente com a categoria, atitude elogiada pelo presidente do SindProf.

Israel Melônio disse que o sindicato representa a categoria e não vai medir esforços para assegurar os direitos dos professores de São João Batista. Há informações não confirmadas de que a Câmara Vereadores de São João Batista também entrará com uma ação contra as ex-gestoras cobrando explicações sobre o não pagamento do rateio.

A ex-secretária de educação ainda não se manisfestou sobre as declarações do presidente do Conselho Municipal do Fundeb e nem sobre a posição do Sindicato dos Professores. O Blog deverá entrar em contato com a professora para comentar sobre o assunto. O Blog pode voltar ao assunto a qualquer momento.

Folha de SJB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *