Em Cajapió, Serejo é acusado de ser funcionário fantasma em Brasília e vereador parte pra cima de Dr. Marcone

O clima esquentou entre os principais pré-candidatos a prefeito do município de Cajapió. De um lado, Bispo Serejo é acusado de ser funcionário fantasma do gabinete do deputado Aluísio Mendes e de outro, um vereador denunciou Dr. Marcone por supostas irregularidades em licitações de carros.

Serejo e Dr. Marcone polarizam em Cajapió

Segundo o Blog Maranhão de Verdade, o pré-candidato a prefeito do município de Cajapió, Bispo Serejo, ex-secretário adjunto de administração penitenciária do Estado, que tem residência fixada no município de São Vicente Férrer, acaba de comprar uma casa na sede do município de Cajapió, localizada em um excelente terreno, adquirido diga-se de passagem, pela barganha de R$ 30 mil e a reforma da mesma anda a todo vapor.

“A parte irônica desta situação é que o ilustre pré-candidato, é lotado no gabinete do então deputado federal Aluísio Guimarães Mendes Filho, conhecido no meio político como Aluísio Mendes em Brasília, como secretário parlamentar, com remuneração básica de R$ 3.263,44 (Três mil, duzentos e sessenta e três reais e quarenta e quatro centavos), segundo consta no portal de transparência”, denunciou o blogueiro.

Mais adiante, ele informa que ’em muitos lugares do nosso país, esta prática é sinal de status e influência ter contracheque, o que equivale a dizer que o beneficiário está acima das leis que vigem para o restante da população desprovida de influência, e que, portanto, tem o direito de receber polpudas quantias mensais pelo hipotético e etéreo exercício de cargo público, para o qual, na maioria das vezes, deveria se encontrar fisicamente na capital do país e que essa prática é considerada funcionário fantasma! (Funcionário fantasma é aquela pessoa nomeada para um cargo público que jamais desempenha as atribuições que lhe cabem. Ou seja, recebe sem trabalhar, se enriquece ilicitamente à custa do erário público e do suor do contribuinte, na maioria das vezes com remunerações muito superiores à da maioria da população brasileira, que não conta com o denominado padrinho ou pistolão”.

Vereador denuncia Dr. Marcone

O vereador Raimundo Diniz usou a tribuna da Câmara de Vereadores para denunciar o prefeito Dr. Marcone por supostas irregularidades envolvendo a empresa Agnus Construções com licitação de veículos. Segundo o Blog do Biné, o parlamentar disse que as licitações superam os 4 milhões de reais desde 2017 e que, quando foi vereador, ele não tem notícias sobre o uso de um valor tão alto como esse, o que classificou de absurdo.

“O vereador Diniz estranho os valores dos contratos com a empresa Agnus publicado no Diário Oficial e fez um estudo mais aprofundado dos contratos, que para ele era um absurdo, visto que ele foi secretário de administração do município e não tem conhecimento de que valores absurdos no aluguel de veículos para o município”, afirmou o blog.

Clima tenso

Desde a última semana, os dois principais candidatos trocam farpas por meio de blogs e redes sociais. Avaliado como o melhor prefeito da Baixada Maranhense e aprovado por mais de 80% da população de Cajapió, segundo as ultimas pesquisas, Dr. Marcone tem usado suas redes sociais para se defender na busca de uma reeleição.

De outro lado, o Bispo Serejo tenta tirar proveito da união que fez com Nonato Silva, ex-prefeito do município, para tentar polarizar ainda mais com o atual prefeito e ganhar as eleições do ano que vem, na Oposição.

6 respostas para “Em Cajapió, Serejo é acusado de ser funcionário fantasma em Brasília e vereador parte pra cima de Dr. Marcone”

  1. E vc Jailson sempre pichando mais pra um lado do q para o outro. N tá ganhando nadinha né kkkkkkkkkkk. Seja democrático e imparcial. e o q um bom blogueiro faz.

  2. Bispo Serejo nunca exerceu cargo eletivo e nem tão pouco gerenciou orçamento. É um homem do bem e de posses pela sua formação e claro que pode comprar qualquer propriedade dentro de sua receita por ser ser de tudo um empreendedor do ramo cerâmica e pode comprar sim não só uma áreas dessa como duas caso queira. Vejo que o mesmo de e fato incomoda a situação que está sinalizada em perder eleição ano que vem por ser seu adversário prepotente em comunhão e isso o povo não perdoa. É só conferir

  3. Jailson faz também uma matéria do fantasma de sjb, também recebe pelo gabinete do federal, sem nunca ter ido a Brasília e muito menos acompanhando o deputado no Maranhão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *