Após marido mandar prender vereadores, prefeita de Vitória do Mearim diz que não teme impeachment

Após o marido e chefe de Gabinete gravar vereadores pedindo propina e mandar prender cinco deles, (reveja AQUI) a prefeita de Vitória do Mearim, Dídima Coelho, divulgou um vídeo dizendo que não teme impeachment e que tem usado o dinheiro da cidade com ética.

Gestou gravou vídeo hoje a tarde falando sobre a operação

O vídeo vem um dia depois que cinco vereadores da Oposição foram presos e dois deles investigados após um escândalo de repercussão nacional. Porém, muita gente tem visto o caso como uma tentativa de mudar o rumo das investigações de uma CPI criada e criticaram o Ministério Público por não avançar em ações que investigam a prefeita e seu marido, Almir Coelho.

Informantes do Blog do Jailson Mendes davam como certo o afastamento dela nesta sexta-feira, 7, quando os parlamentares se reuniriam para discutir as próximas etapas da CPI.

A comissão investiga se a gestora desviou recursos de emendas parlamentares da saúde. Porém, com 4 vereadores presos a sessão pode não acontecer. Na noite de ontem, Bena foi solto. No vídeo divulgado pela assessoria, a prefeita diz que não poderia ceder as extorsões e que está colaborando com todo o processo.

Vejam o vídeo…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *