Padre natural da cidade de Penalva morre em São Luis vítima de Coronavírus

Morreu nesta segunda-feira (18) devido uma insuficiência respiratória em decorrência do novo Coronavírus, o padre Bráulio Sousa Ayres, de 66 anos. Recentemente, ele exercia a função de pároco da Paróquia Santíssima Trindade, na Cidade Olímpica.

Padre Bráulio nasceu na Baixada Maranhense

Natural de Penalva e com 66 anos de idade, o religioso havia feito ordenação presbiteral há 39 anos. Em uma nota assinada por Dom José Belisário da Silva, arcebispo metropolitano de São Luís do Maranhão; e Dom Esmeraldo Barreto de Farias, bispo auxiliar da Arquidiocese, foi confirmada a morte do sacerdote.

“A Arquidiocese de São Luís do Maranhão deve muito ao padre Bráulio. Se pudermos sublinhar uma das suas importantes atuações em favor dela, chamaríamos a atenção pela importância de padre Bráulio na retomada da formação de novos presbíteros não só para a Arquidiocese de São Luís, mas para todo o Maranhão”, diz a nota.

O prefeito da cidade de Penalva, Ronildo Campos, encaminhou uma nota de pesar. ‘Pedimos a Deus que conceda o descanso eterno e em oração recordamos as palavras do Evangelho de Mateus (11,28): vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Descanse em Paz, Padre Bráulio. Nossa gratidão por sua vida doada a Deus e a nossa igreja’, destacou o gestor.

Segundo as informações passadas ao Blog do Jailson Mendes, o pároco estava há 20 dias em um UTI, em um hospital na capital, com 50% do pulmão comprometido, mas tinha saído dias atrás por que apresentava melhoras.

Uma resposta para “Padre natural da cidade de Penalva morre em São Luis vítima de Coronavírus”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *