Membros do Fórum da Baixada cumprem agendas em São Luis e reforçam projetos para a região

Na tarde desta quinta-feira, 20, o presidente do Fórum da Baixada em Defesa da Baixada (FDBM), Expedito Moraes, acompanhado de Antônio Valente, Alberto Muniz e Ana Creusa, foram recebidos na sede do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (SRMA/DNIT), pelo superintendente Glauco Henrique Silva, este acompanhado de José de Ribamar Mendes – Coordenador de Engenharia Aquaviária, e de Thadeu Fellipe, coordenador de Engenharia Terrestre. Durante a proveitosa reunião foi entregue um ofício, acompanhado de um resumo do planejamento estratégico da entidade.

Reunião na sede do DNIT

O pedido de apoio envolve obras que beneficiem direta ou indiretamente os municípios das microrregiões da Baixada e Litoral Ocidental do Maranhão, especialmente as obras de Construção de Novos Terminais Portuários na Bacia do Pindaré e Litoral Oeste: 1) Viana; 2) Reparação Adequação do Cais de Cajari; 3) Monção; 4) Pindobal – Zona Rural de Serrano; 5) Apicum Açu; bem como as Reparos e Construções de BRs: 1) Recuperação da BR 222; 2) Duplicação da BR 135; 3) BR 308 ligando o Maranhão ao Para, projeto que passa pela Baixada Maranhense e litoral Oeste

O Superintendente demonstrou sensibilidade em atender as reivindicações apresentadas pelo FDBM, pois se tratam de obras estruturantes que possibilitarão o desenvolvimento das microrregiões da  Baixada e Litoral Ocidental, que são as áreas de atuação do Fórum. O Presidente do FDBM disponibilizou-se em auxiliar o DNIT em questões ligados às populações envolvidas, especialmente quanto ao apoio junto aos gestores municipais e demais entidades.

Mais ações

Durante almoço,nesta quinta-feira (20/08), o Presidente do Fórum em Defesa da Baixada, Expedito Moraes, acompanhado dos forenses Antônio Valente, Alberto Muniz e Ana Creusa trataram de parceria na busca de possibilitar que vários municípios da Baixada possam aprender as técnicas de cooperativismo na criação de peixes e outros arranjos produtivos, que poderiam utilizar-se da expertise da Associação dos Produtores de Pescados de Itans, comunidade localizada em Matinha (MA), que é uma das responsáveis por transformar o povoado em um polo de piscicultura no Estado.

O Presidente da Associação Carlos Pinheiro Gomes, o Cibaleno, que estava acompanhado de Júlio Pinheiro, Vice-Prefeito de São Luís, que é filho de Itans e participou de todas as atividades de pescaria tradicional no Povoado. Cibaleno encantou os forenses com várias histórias que alicerçaram o trabalho dos associados, baseada especialmente no conhecimento, no domínio das técnicos de implantação, manejo, e atividades de comercialização com resultados para todos. Disse que não tem condições de atender à demanda. Que pretende incrementar a atividade de exportação, mas não tem produto suficiente, o que justifica o seu interesse em difundir a técnica de piscicultura a mais municípios.

Ficou combinado que, oportunamente, o Fórum da Baixada e a Associação de Itans possam estabelecer parcerias. Inclusive, o Presidente do FDBM pretende verificar a possibilidade de uso das instalações de uma escola que fica entre os municípios de Miranda e Arari, para que sejam ensinadas as técnicas de cultivo de vários produtos, para os quais a Baixada Maranhense tem vocação e que faz parte de vários planejamentos esparsos em vários órgãos como SEBRAE, SENAR e outros. ASCOM

2 respostas para “Membros do Fórum da Baixada cumprem agendas em São Luis e reforçam projetos para a região”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *