Acadêmicos discutem educação inclusiva em Cajapió e condenam atitude do prefeito em Concurso Público

Prefeito Nonato Silva

Um seminário realizado na cidade de Cajapió discutiu a Educação Inclusiva naquela cidade e os acadêmicos condenaram a atitude do prefeito Nonato Silva, que não alocou nenhuma vaga para a efetivação de um profissional na área.

O seminário foi realizado pela Faculdade de Ciências de Educação do Caparaó (FACEC). Coordenado pelo professor Mozart, onde foram apresentados vários depoimentos debates sobre o assunto apresentados em slides sobre o tema, os acadêmicos descobriram que o município de Cajapió não tem sala de aula para pessoas com deficiência.

Inclusive, nem mesmo a Secretaria Municipal de Educação soube responder para os acadêmicos quantas pessoas com deficiência tem na cidade. Por essas e por outras, o prefeito tem sido constantemente sido alvos de várias denúncias por parte do Ministério Público, que já conta com dezenas de ações contra o gestor.

“O prefeito Nonato Silva quando assumiu o município fez um concurso mais não colocou nem uma vaga para professor (a), que é apto a educar crianças dessa natureza”, disse um dos acadêmicos que participaram do seminário. Com informações do Blog do Biné.

Participantes do seminário

Folha de SJB

3 respostas para “Acadêmicos discutem educação inclusiva em Cajapió e condenam atitude do prefeito em Concurso Público”

Deixe uma resposta para Jailson Mendes Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *