Vereadores de São Vicente Ferrer julgam hoje prestações de contas do ex-prefeito Cabo Freitas

| 4 Comentários

Resultado de imagem para ex-prefeito Cabo Freitas, de São Vicente FerrerCom parecer do Tribunal de Contas do Estado pela reprovação, os vereadores de São Vicente Ferrer decidem hoje se aprovam ou reprovam as prestações de contas apresentadas pelo ex-prefeito Cabo Freitas, marido da atual secretária de Assistência Social da cidade, DuCarmo Freitas, e um dos principais articuladores da campanha vitoriosa de Conceição Castro em 2016.

No início do ano, uma comissão escolhida pelos vereadores para analisar as contas pediu que o plenário da Câmara de Vereadores acate o parecer do Tribunal de Contas do Estado, que julgou as contas do ex-prefeito como irregulares. As contas são referentes aos anos de 2006 e 2010, quando o então prefeito comandava a cidade de São Vicente Ferrer.

Elas chegaram desde o ano passado na Câmara de Vereadores e as duas foram julgadas irregulares pelos membros do TCE e agora os parlamentares, que tem o poder de tornar prefeitos inelegíveis, devem apreciar os pareceres da corte. Cabo Freitas tenta usar da influência para conseguir uma vitória, segundo fontes do blog.

Por outro lado, ainda de acordo com as informações passadas ao Blog do Jailson Mendes, há alguns vereadores que tentam articular uma derrota do ex-prefeito, que precisa de 8 parlamentares para se livrar do parecer. O resultado ainda não está definido, mas a tendência é reprovar as contas de Cabo Freitas.

Folha de SJB

4 Comments

  1. Cabo Freitas um traidor antes de se tornar um improbo e péssimo administrador : na sua primeira eleição a vereador chegou a ser o fiel da balança de um grupo de oposição que sonhava eleger o presidente da Câmara mas nas suas contagens incluíram o policial que fez toda sua campanha defendendo a moralidade e a justiça. Não chegou até a posse, o primeiro dia como representante do legislativo municipal para o homem da lei pular para o outro lado. Quando assumiu o comando do governo municipal, aí sim, esqueceu de vez dos seus princípios moralizadores da coisa pública, cometendo os mesmos crimes, como relata parecer da corte de contas do estado, e os mesmos erros políticos dos seus antecessores chegando a criar o cargo/função de Controlador Geral e o presenteando a um, inexperiente e inexpressivo, rebento seu. Durante os oito anos da sua mal fadada administratacao o município viveu tempos parecidos aos dos seus antecessores e opositores, nada de novo a não ser os ocupantes dos cargos e das benefices que o erário público proporcionou.

  2. Ele deveria está preso ro salário de muitas famílias e deixou muitas pessoas morrerem por falta de assistência médica. Cássia já neste

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.