Vereador chama desportista de ‘ensaiado’ após ele cobrar posição de parlamentares por ginásio não concluído em Matinha

| 6 Comentários

Um jovem de Matinha foi classificado como ‘ensaiado’ pelo vereador Tom (PSDB), após ele fazer duras críticas aos parlamentares que faltaram na sessão que deveria julgar as contas do ex-prefeito Beto Pixuta e cobrar uma posição dos vereadores quanto a ginásio poliesportivo que nunca foi concluído no município. As declarações foram dadas durante a sessão de ontem, 28, no plenário da Câmara de Vereadores do município.

Vereador Tom, da cidade de Matinha

Identificado como Eduardo, o jovem desportista cobrou a presença dos parlamentares e disse que está muito decepcionado com os que faltaram durante a penúltima sessão do município. Ele citou nominalmente os que faltaram, Zé Orlando, Marlio, Tom, Rosiolete, Ulisses e Junior Pereira, fazendo com que as prestações não fossem votadas.

Ele cobrou a construção do ginásio poliesportivo, que aparece como construído nas prestações de Beto Pixuta, mas segundo as informações nunca foi concluído. O desportista também citou a construção de quase 20 poços, com 2 milhões de reais que também aparecem nas prestações de contas aprovadas pelo TCE, referentes ao ano de 2007.

Eduardo também frisou que está decepcionado e disse que não foi para isso que eles foram eleitos para fiscalizar o Poder Executivo. “Matinha era pra ter um ginásio poliesportivo, mas não tem”, finalizou. Após isso, o vereador Tom usou da palavra e disse que nunca foi preso e classificou a fala do desportista como ‘ensaiada’.

‘Você foi muito bem ensaiado, queria lhe ver aqui mais vezes. Ver seu histórico na cidade, se você realmente é um belo desportista, vê a sua passagem de forma legal pela cidade. Possa ir até o Tribunal de Contas, por que lá que é julgado e essas contas passaram aqui 60 dias e na época eu não era vereador”, disse Tom. Ele disse que não se envergonha de andar pela cidade, que é ficha limpa e que não tem passagem pela polícia.

Ele esclareceu que não votou por que não tinha mais prazo, por que era o ultimo dia e revidou dizendo que queria ver outras pessoas cobrar salários atrasados. Nas redes sociais, Tom tem sofrido acusações por ter colocado a competência do jovem em cheque e de agir com preconceito contra Eduardo.

Em conversa com o Blog do Jailson Mendes, o vereador Tom disse que não fez nenhum tipo de discriminação e que em Matinha, a questão partidária é muito pessoal. Vejam os vídeos.

Folha de SJB

6 Comments

  1. Parabenizo o jovem Eduardo pela coragem, de afronta aqueles que não tem visão progresista em relação ao meu querido múnicipio de Matinha. Tal valentia demostra a força do jovem matinhense, para analizar o cenário político da cidade.
    Tirve a honra de conhecer o mesmo alguns anos atrás, e jamais se prestaria um papel desse, como salientou o vereador. Ele representou determinadamente à todos que acreditam em uma Matinha, um Maranhão e um Brasil melhor.
    #ELENOSREPRESENTA
    #SOMOSTODOSEDUARDO

  2. E Jailson manda a prefeita pagar e o povo isso sim ou o prefeito que ele que manda

    Não era Beto Pixuta que etano Ruim atrasava o salário manda ele pagar o povo esse vagabundo do Eldo Jorge comunist !!!

  3. Folha de SJB removeu este comentário

    • Pq removeu meu comentário?? Foi pelo esporte que o rapaz praticava ou por conta de quem o prendeu e bateu nele quando andava”praticando o esporte”?
      Trata se de notícia pq é verdade é não fuxico .

  4. Acho graça desse cidadão usar o termo “vulgo” para se dirigir às autoridades da cidade,termo esse que se aplica a ele.
    Pra cobrar os salários atrasados dos funcionários municipais não souberam ensaiar esse rapaz. Mecompreumbode

  5. A cidade só precisa mesmo e quadra esportiva e isso. Meu Deus cadê o salário do povo.

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.