Solenidade na Assembleia Legislativa marca o lançamento do Instituto Inaldo Abreu

| 3 Comentários

Uma solenidade realizada nesta terça-feira, em São Luis, marcou o lançamento do Instituto Inaldo Abreu. O evento, que reuniu dezenas de pessoas e autoridades, foi realizado no auditório ‘Neiva Moreira’, no complexo de comunicação da Assembleia Legislativa do Maranhão.

A solenidade foi realizada com a presença do deputado Raimundo Cutrim, que representou a Assembleia Legislativa, de familiares do saudoso e representantes de diversos movimentos sociais do estado. A entidade será presidida, pela primeira vez, por Rosilene Abreu de Menezes, que disse que o primeiro intuito da instituição é conseguir construir sua sede e adquirir um ônibus.

A cerimônia também homenageou diversos colaboradores das ações e serviu para mostrar um pouco das iniciativas do Projeto Voluntários da Paz, iniciado pela saudoso Inaldo Abreu. Entre os presentes também estavam o superintendente de Articulação Política do Estado, Luiz Everton; o coronel Nogueira, do programa Pacto Pela Paz;  e o presidente da Cruz Vermelha do Maranhão, Carlos Rangel.

Natural de São João Batista, Inaldo Abreu morreu em 2016 e era presidente da Fundação Renato Abreu e fundador do Projeto Voluntários da Paz, que realiza diversas ações em diversos municípios do Maranhão, contando cerca de 160 colaboradores, além de ser um dos auxiliares da Igreja Assembleia de Deus da cidade Operária.

Líder do projeto, Inaldo Abreu viajava o Brasil inteiro levando as ações da fundação para os mais necessitados. Estados como Pará, Tocantins, Ceará e Paraíba já receberam as ações da fundação e da igreja que levam benefícios como consultas médicas, pediatria, odontólogos, medição de pressão arterial, palestras educativas, distribuição de medicamento, orientação jurídica e outras ações sociais.

Folha de SJB

3 Comments

  1. parabéns ao instituto inaldo abreu. é uma familia vencedora

  2. Luiz Everton tá mais popualr que o prfeito, em tudo ele tá

  3. NUNCA QUE TU SERÁ PREFEITO

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.