Publicidade

Secretário Carlos Figueiredo organiza capacitação para profissionais em Pindaré

| 6 Comentários

A Secretaria Municipal de Saúde (SEMUS) promoveu nos últimos dias uma capacitação em teste rápido para HIV, sífilis e hepatites B e C através da Coordenação do Programa DST/AIDS e hepatites Virais. Acompanharam os trabalhos o secretário de Saúde, Carlos Figueiredo e a coordenadora do programa, Ezna Barros. A capacitação foi destinada aos profissionais da enfermagem, médicos, odontólogos, bioquímicos e psicólogos que atuam nas unidades básicas de saúde e hospital municipal e foi ministrada pela Multiplicadora do Estado, Hilária Cristina.

O objetivo da capacitação é orientar os profissionais das unidades de saúde e do Hospital e Maternidade Governador José Sarney (HMGJS), sobre como realizar o teste rápido para diagnosticar as doenças em menos de 15 minutos. Além disso, os profissionais receberam instruções de como acolher os pacientes e encaminhar casos positivos para acompanhamento médico e tratamento.

O secretário afirma que todos os anos serão realizados treinamentos com os profissionais da área da saúde a fim de proporcionar um atendimento de qualidade e uma cobertura ampla da oferta de serviços de saúde a população: “A capacitação profissional é um processo permanente e de extrema importância porque garante a atualização técnica aos profissionais e a qualidade do atendimento aos pacientes. Além é claro de atender a necessidade de preparar novos profissionais que ingressam no serviço de atendimento à Saúde e precisam estar aptos a atender a demanda do município.” afirmou Carlos Figueiredo.

O objetivo da capacitação também atende as necessidades da Política Nacional da Rede Cegonha que visa atendimento integral à gestante, que visa ampliar o atendimento na Rede Básica, de forma que os pacientes tenham acesso aos exames em qualquer unidade, possibilitando diagnóstico e tratamento precoce e além de realizar teste rápido de HIV em todas as gestantes durante o pré-natal. Por fim, atende as necessidades também do programa TB/HAN, pois todo serviço de saúde que diagnostica e trata tuberculose deve estar preparado para oferecer a testagem para HIV, utilizando preferencialmente os testes rápidos.

Folha de SJB

6 Comments

  1. Folha de SJB removeu este comentário

  2. Amiga Fernanda, fiquei preocupada com seu comentário. Pensando no fato de sinta ter uma assessoria sem qualificação e que tem curso superior tem e não sabe lidar com o povo.

  3. Esse blog recebe é dinheiro para publicar notícias sobre esse cara nada Av com a cidade o serviço q ele faz la

    • Engraçado que ele apaga os comentários desfavoráveis a esse cara. O Blogger tem que ser aberto a opiniões. . Principalmente quando se conhece sobre.

  4. A cidade de Pindaré logo logo vai perceber.. Aliás. . Pelo que se escuta na cidade.. jJa sabem e muito.

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.