Publicidade

POPULAÇÃO RECLAMA DE ATENDIMENTO NO BANCO DO BRASIL

| 1 Comentário

Depois do prefeito de Cajapió, Nonato Silva, dizer que vai retirar todas as contas do município do Banco do Brasil, agora quem reclama é a própria população de São João Batista. Lentidão na fila e demora no atendimento são alguns dos problemas .
Esta agência atende também os municípios de São Vicente, Olinda Nova, Cajapió e outros. Um outro problema que deixa os clientes furiosos são as constantes faltas de dinheiros nos caixas eletrônicos de auto-atendimento. Na agência do Banco do Brasil em São João Batista existe apenas quatro terminais, mas as vezes funcionam apenas dois que podem fazer saques.

De acordo com o professor Junior Valdez, um dos reclamaram da agência, “muitas senhoras e senhores ficam falando que chegam desde cedo na agência, mais quando vão ser atendido tem muita gente, principalmente período de pagamento desses idosos”. O atendimento interno só começa às 10 horas e termina à tarde.

Para o professor isso é um absurdo o que está acontecendo numa agência bancária. “Hoje no banco você pega duas filas para o atendimento interno, fora uma fila pra pegar senha e depois retorna pegar outra fila dentro. Isso é um absurdo”, afirmou o professor da Rede Estadual de Ensino.

Blog Folha de SJB procurou a gerência do Banco do Brasil para saber mais sobre o assunto. Em conversa informal com o titular do blog, em uma rede social, o gerente da agência aqui em São João Batista, Cesar Neto, disse está procurando medidas para melhorar o atendimento.

“A agencia abre as 10 horas da manhã para atendimento ao publico. Nos dias de pagamento de aposentados colocamos os que vão revalidar a senha as 9 horas para o atendimento interno.Infelizmente em relação aos terminais logo cedo estarem alguns sem dinheiro, ocorre que há uma limitação de numerário”, explicou o funcionário.

Fonte: Folha de SJB 



EQUIPE DE REDAÇÃO DO BLOG DA AGÊNCIA DE SJB

One Comment

  1. Simples de resolver: o Banco do Brasil tem recorde de lucros conforme noticiado pela mídia, então é só abrir mais uma agência no Paulo VI para desafogar o centro. Creio que não vai onerar tanto um banco que é de capital misto e que arrecada tanto com taxas e mais taxas, melhorar seu atendimento!

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.