Publicidade

Morre aos 75 anos Varistinha, uma das grandes caixeiras de São João Batista

| 1 Comentário

Morreu agora a tarde mais uma das grandes caixeiras e umas das maiores incentivadores do Divino Espiríto Santo de São João Batista, Evarista Madeira, conhecida popularmente somente como Varistinha. A informação foi confirmada pelos familiares e o velório está sendo realizado na casa de um dos filhos delas, na Rua do Acrísio.

De acordo com as informações passadas ao blog, Varistinha, que tinha 75 anos de idade, morreu no povoado Palmeiral, na casa de seu filho mais novo, conhecido como Piriquito. Além dele, ela era mãe de Bureca e de ‘Bebelô’, já falecido. O enterro está marcado para amanhã, às 9 horas da manhã.

Varistinha era uma das grandes personalidades de São João Batista. Em uma homenagem feita em 2011, o professor Batista Azevedo falou sobre ela. “É uma pessoa simples de convivência familiar e amiga. Já vive há muito tempo nos meios e nas lides do lar. Já esteve como ajudante de casa de muitas famílias, desenvolvendo tarefas de cozinheira, lavadeira, arrumadeira, passadeira, etc.”, detalhou.

“Sempre teve suas vaidades, apesar dos bons anos já vividos, Varistinha é adepta dos brincos, colares e pulseiras. É uma das últimas remanescentes do grupo de “caixeiras” de Divino Espírito Santo. É amiga da gente e representa a simplicidade do nosso povo. É justa a homenagem a gente simples. Assim como Varistinha que é sem dúvida também “uma figura de proa”, finalizou.

Folha de SJB

One Comment

  1. Vereador cabeça lamenta muito pela morte de nossa grande cadeira do divino espírito santo mais que o divino espírito santo possa ta de portas abertas para receber essa heroína que Deus possa colocar emum bom lugar

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.