Mais quatro pessoas foram presas por dá suporte aos homens que assaltaram a Agência dos Correios de Matinha

| 0 comentários

No dia de ontem (20.02.2018) dois elementos adentraram a agência dos Correios da cidade de Matinha e anunciaram o assalto, com a chegada dos policiais militares e civis de Matinha, CME com apoio do CTA os assaltantes ficaram encurralados no interior da agência e mantiveram várias pessoas como reféns.

Após as negociações os reféns foram liberados e os dois assaltantes foram presos na posse de dois revólveres calibre 38, sendo identificados como WELISON FERREIRA RIBEIRO, vulgo “MACARRÃO” e WELYSON DE SOUSA SANTOS, vulgo “MOITINHA”. Após algumas diligências os investigadores do departamento de combate ao roubo a banco da SEIC descobriram que outros dois assaltantes estavam do lado de fora da agência e quando da chegada dos policiais militares eles se evadiram em um veículo caminhonete triton de cor prata e que estariam retornando para São Luís.

Foi realizada barreira na Estiva em conjunto com os policiais militares do 21 Bpm e Batalhão Tiradentes sendo preso o terceiro assaltante FABIANO ROZENO OLIVEIRA DE SOUZA (10.07.1984) na posse da referida caminhonete. Os investigadores descobriram que o quarto assaltante tinha ficado na cidade de Rosário e tratava -se de RANIERY REGO CANTANHEDE ( 27.06.1989) sendo preso em flagrante delito na posse de um revólver calibre 38. Ambos foram conduzidos para a SEIC e  autuados em flagrante delito.

Em continuidade as diligências os investigadores descobriram que um vigilante da referida agência ( HERBERT DOS SANTOS COSTA, 23.05.1988) tinha facilitado a ação e que teria ainda a participação de um quinto assaltante da cidade de Matinha identificado como FRANCIOMAR COSTA TRAVASSOS. As informações foram repassadas aos policiais de Matinha que após diligências conseguiram prender em flagrante HERBERT e FRANCIOMAR.

Após as formalidades legais todos os conduzidos foram autuados em flagrante delito por roubo a agência dos Correios da cidade de Matinha e encaminhados aos sistema penitenciário onde permaneceram a disposição do Poder Judiciário. Cumpre esclarecer que RANIERY e WELYSON DE SOUSA possuem mandado de prisão em aberto pelo assalto ao Banco Bradesco de Icatu ocorrido no dia 12.01.16 e foram beneficiado pela saída temporária do Natal/2017 e não retornaram. FABIANO possuí mandado de prisão pelo crime de homicídio. WELISON, vulgo macarrão tem antecedentes criminais por organização criminosa e roubo.

Folha de SJB

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.