Júri Popular: acusado de matar irmão é condenado a mais de 8 anos de prisão em São João Batista

| 0 comentários

A comarca de São João Batista realiza esta semana 04 sessões do Tribunal do Júri e o primeiro julgamento foi realizado ontem, 20, no plenário da Câmara Municipal de Vereadores. O primeiro foi de Nilson dos Santos Silva, acusado de matar seu próprio irmão, Claudio dos Santos Silva, no povoado Jaqueira, em fevereiro deste ano.

De acordo com a sentença, obtida pelo Blog do Jailson Mendes, o Ministério Público acusou o suspeito de ter matado a vítima durante a madrugada do dia 16 de fevereiro deste ano, com disparos de espingarda, enquanto a vítima estava dormindo. Segundo a apuração, o acusado teve uma discussão com o irmão após descobrir que ele estava tirando peixe de um tanque de seu pai, sem o consentimento deste.

Após cometer o crime, o denunciado pediu ajuda aos vizinhos e contou que havia saído para caçar e quando retornou encontrou seu irmão morto. Acionada, a polícia foi ao local, no povoado Jaqueira, onde moradores já tinham amarrado o acusado e ele teria confessado o crime. No julgamento de ontem, o promotor de Justiça Felipe Rotondo, representou o Ministério Público, que ofereceu a denúncia, e os advogados Fábio Pinto e Cícero de Medeiros fizeram a defesa.

Após os procedimentos do julgamento, o Conselho de Sentença se reuniu e, por maioria, reconheceu que a vítima foi atingida por disparos de arma de fogo e que Nilson dos Santos Silva foi o autor dos disparos, condenando o autor do crime. Por isso, ele foi condenado 8 anos e quatro meses de reclusão, que será iniciada no regime semiaberto, em Pedrinhas.

Folha de SJB

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.