Publicidade

JOANINOS RELEMBRAM MORTE DE THIAGUINHO NERY

| 0 comentários

Thiago ao lado de sua amiga, Amanda

A população de São João Batista relembrou hoje, 31 de março de 2013, a morte do jovem Thiago Nery Santos Gaspar, mais conhecido como Thiaguinho. 

Há exatamente um ano, Thiago foi brutalmente assassinado no dia 31 de março do ano passado, entre os municípios de São Bento e Bacurituba, quando participava da festa de aniversário da cidade de São Bento.

Para lembrar a morte do jovem, uma missa será celebrada em memória ao Thiago Nery. Tiago Neri Santos Gaspar, na época tinha 19 anos e foi assassinado a golpes de faca e o corpo deixado próximo a uma barragem na divisa entre os municípios de São Bento e Bacurituba. 

De acordo com as informações da Polícia Civil de São João Batista, o caso já foi elucidado. O crime chocou a população do Maranhão e o caso foi destaque em jornais impressos e online de todo o Brasil. Ele foi encontrado morto na madrugada do dia 31, por volta de 03:00 horas dentro do próprio veículo, no município de São Bento, que fica a 300 km de São Luís. 

DETALHES DO CRIME

Segundo a polícia, Thiaguinho Nery, como era mais conhecido, tinha perfurações de faca por quase todo o corpo. Ele estava sentado no banco do motorista. 
O veículo foi encontrado atravessado na pista e com os faróis acesos próximo a uma barragem, que liga os municípios de São Bento e Bacurituba.

Ainda segundo a polícia, o jovem que mora aqui em São João Batista retornava de uma festa em São Bento. Os objetos pessoais da vítima foram encontrados dentro do veículo Celta placa NNI-6940. A polícia chegou ao local, após uma ligação anônima. 

A vítima foi encontrada por volta das 3h dentro do carro com golpes de faca por todo o corpo. Os policiais informaram que o jovem estava com a calça abaixada e que foi praticamente degolado. Quando os policiais chegaram ao local ainda encontraram o veículo ligado.

INVESTIGAÇÕES E PRISÕES

Thiago ao lado de amigos
As polícias de São Bento, Bacurituba, Matinha, São Vicente Ferrer e São João Batista comandaram as investigações. De acordo com as informações todos os envolvidos já estão presos. Informações dão conta de que três ou quatro pessoas estão sendo acusadas de participar da morte de Thiaguinho.

Ainda no ano passado, o delegado de Matinha, que está no comando das investigações pediu a prisão dos envolvidos e o juiz de São Bento, Sidney Cardoso, decretou a prisão de três envolvidos. Inclusive o dono do Buraco da Gia, Gilvan Ferreira, está preso na delegacia de São João Batista.

Gilvan está sendo acusado de ter participado no crime de acordo com a Polícia Civil de São João Batista. Esta informação foi passada pelo delegado de polícia, Ricardo Garcês. Gilvan Ferreira permanece preso a disposição da polícia de São Bento, que pediu a prisão do mesmo. As fotografias foram retiradas do Facebook.

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.