Inquérito aponta esposa como suspeita da morte de jornalista em Cajapió

| 0 comentários

Três meses depois do assassinato do jornalista João Domingos França Costa, no município de Cajapió, a Polícia Civil, por meio da 6ª DRPC de Viana, conseguiu elucidar o crime.

1460711896-998211366

Acusada

A esposa da vítima, Maria da Graça Silva Pimentel, de 29 anos, é suspeita de encomendar a morte do jornalista, segundo inquérito.

Nessa quinta-feira (14), ela e o suspeito da execução, Hairton da Conceição Serra Ribeiro, de 27 anos, foram presos. As investigações seguem a linha de que ela matou o marido visando seus bens.

O jornalista foi assassinado com um tiro no tórax no dia 14 de janeiro, enquanto descansava em uma rede no quintal de seu sítio. Ele morava em Brasília, mas passava férias em Cajapió, onde nasceu.

Folha de SJB

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.