Força Tática prende suspeito de liderar grupo de extermínio em Matinha, Viana e Penalva

| 3 Comentários

A Polícia Militar, por meio da Força Tática, prendeu, na ultima quinta-feira, 25, Cleudo Márcio Silva Mendonça, de 42 anos, e acusado de liderar grupo de extermínio em diversos municípios da Baixada Maranhense, principalmente nas cidades de Penalva, Matinha e Viana. Ele também está sendo acusado de porte ilegal de armas e direção perigosa.

O suspeito é natural da cidade de Penalva e foi preso por volta das 12 horas, em Viana. De acordo com as informações da polícia, Cleudo Marcio foi preso após uma denúncia anônima e ele estaria com outra pessoa, também acusada de cometer vários homicídios na Baixada Maranhense. No momento da ação, eles estavam em um veículo de cor branca, de placa PSQ-7003, em um bar. Ainda segundo as informações, eles estariam comemorando um duplo homicídio.

No Boletim de Ocorrência, a polícia disse que eles teriam executado um homem, com vários tiros na nuca do seu suposto desafeto, características marcantes desse grupo que eles, em tese, participam. O grupo já culminou com a morte de aproximadamente 30 pessoas com os mesmos “modus operandi”. Ao avistar a viatura, eles saíram num carro e a Força Tática realizou uma barreira na avenida próximo e ao darem sinal de parada, eles não obedeceram e quase atropelavam um dos policiais saindo em alta velocidade.

Em perseguição, a informou que foi necessário efetuar alguns disparos no pneu do carro para forçar a parada e, na perseguição, o suspeito tentou se desfazer de uma arma de fogo calibre 38. Com isso, Cleudo se entregou, mas o segundo suspeito não estava mais no interior do veículo, que teria sido responsável por monitorar viaturas durante a execução dos crimes. Ele foi levado ao Distrito Policial de Viana e entregue, à Justiça, sem lesões.

Com o suspeito, foram apreendidos um revólver e numeração suprimida, 13 munições intactas, um relógio dourado, 87 reais em espécie, um carro branco de marca sandero e um binóculo. A guarnição foi comandada Tenente Givanildo, com a participação de sargentos, cabos e soldados e apoio do delegado Leonardo e do agente Azevedo.

Folha de SJB

3 Comments

  1. A polícia cumprindo com o seu papel , que é de manter a ordem e garantir a segurança da população. Parabéns à FORÇA TÁTICA.

  2. Não entendi… eles estavam em um bar comerando (tendo em vista q ja havia uma denúncia..pq n foram direto ao bar!?).. depois tinha uma barreira policial onde ,pelo q vejo o carro é vidro fumê e mesmo com a velocidade eles olharam q tinha outro suspeito de cometer crimes!? A POLÍCIA MILITAR N SABE NEM INVENTAR UMA ESTÓRIA… SACANAGEM… N ESTOU A FAVOR DO PRESO..POIS TINHA UMA ARMA (CRIME)…. MAS É NÍTIDO Q ESTÃO INVENTANDO…

  3. Inventar! Que nada. É pura verdade. Esse grupo de extermínio não é novidade para a população Vianense. Todo mundo sabe!

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.