Publicidade

COMITIVA DE SÃO JOÃO BATISTA PARTICIPA DE CONFERÊNCIA EM SÃO LUIS

| 0 comentários

A II Conferência Estadual de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário (CEDRSS) teve a abertura nesta segunda-feira (26) e prossegue até quarta-feira (28), no Centro de Ensino Sindical Rural da Federação de Trabalhadores na Agricultura do Estado do Maranhão (Cesir), no Araçagy. A II CEDRSS, que tem como tema “Por um Brasil Rural com Gente do Jeito que a gente Quer”, é uma realização do Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Agricultura Familiar (Sedes). 
Da cidade de São João Batista estão participando três pessoas. Os jovens Jailson Mendes, assessor de Relações Públicas e Institucionais, e Raimundo Nonato Pinheiro (Dunga), conselheiro do Conselho Consultivo, representando o Instituto de Formação de Jovens de São João Batista (Fórum da Juventude), e Elza Cutrim, representando o Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de São João Batista (STTRs).
A conferência tem como principal objetivo a construção do Plano Nacional de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário, materializando as concepções, os princípios e as diretrizes estratégicas da Política de Desenvolvimento do Brasil Rural (PDBR), além da avaliação de políticas públicas, buscando alcançar resultados efetivos, refletidos na elaboração de planos territoriais municipais, estaduais e nacional de desenvolvimento rural sustentável.
“Com a conferência, o Maranhão terá a oportunidade de compor a sua estratégia de desenvolvimento rural levando em consideração as particularidades e peculiaridades do Estado”, frisou o secretário executivo da Sedes, Paulo Roberto Lopes. Dentre os assuntos que serão debatidos durante a conferência, constam temas como Desenvolvimento Socioeconômico e Ambiental do Brasil Rural, Fortalecimento da Agricultura Familiar e da Agroecologia, Reforma Agrária e Democratização do Acesso à Terra e aos Recursos Naturais, Abordagem Territorial como Estratégia de Desenvolvimento Rural e Promoção da Qualidade de Vida, Gestão e Participação Social, Autonomia e Emancipação da Juventude Rural e a Promoção do Etnodesenvolvimento.

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.