Publicidade

Com dívidas de quase 2 milhões em precatórios, Justiça bloqueia mais de 300 mil do FPM de São Vicente Ferrer

| 1 Comentário

Como o blog divulgou no ano passado, veja AQUI, a cidade de São Vicente Ferrer deve quase 2 milhões de reais só em precatórios, inviabilizando qualquer gestão pública municipal. Por conta disso, o município está tendo constantes bloqueios de recursos por falta de prestações de contas e alimentação de programas como o SIOPS. Só no mês de março, mais de 100 mil foram bloqueados e agora o montante está em mais de 324 mil bloqueados pela justiça.

Prefeita e secretários estiveram reunidos no TJ em busca de soluções

Isso prejudica em cheio a administração pública de São Vicente Ferrer, uma vez que a ex-prefeita Maria Raimunda, que saiu da história como a pior prefeita da cidade, deixou de prestar contas e deixou de alimentar todos os programas e nem pagou nenhum centavo desse precatório negociado que começou a valer desde o ano passado, quando ela era prefeita. Além disso, inviabilizando ainda mais a cidade, a ex-prefeita não prestou contas com as principais secretarias do estado e agora recentemente, não prestou contas ao Tribunal de Contas.

De acordo com uma decisão do Tribunal de Justiça do Maranhão, assinada pelo desembargador Cleones Cunha, a dívida chegou a exatamente 1.773.718,14 reais que a cidade terá que desembolsar para pagar ações movidas por empresas, ex-funcionários, ex-secretários e até ex-prefeitos. Tudo isso, segundo a decisão do TJ, a prefeita Conceição terá que pagar até o fim de 2020. Como dissemos antes, só no primeiro bloqueio, a Justiça sequestrou mais de 320 mil e até 2020, o município terá que pagar mais de 30 mil por mês só em precatórios deixado por ex-gestões.

Lista de pessoas ou empresas que o município está devendo

Ontem, numa tentativa de rever essa situação e não prejudicar serviços básicos, a prefeita Conceição Castro, esteve reunido com o juiz Nilo Junior, do Tribunal de Justiça, para informar a situação real de São Vicente e tentar amenizar os constantes bloqueios, fazendo uma negociação. Segundo informou a prefeita, se a decisão continuar, serviços básicos como saúde e educação serão atingidos haja visto o grande valor em débitos herdados da gestão anterior.

Além de informar a população, Conceição pede a paciência dos vicentinos e disse que está buscando todos os meios para que o povo de São Vicente não venha ser penalizado mais ainda por irresponsabilidade da gestão passada. Ainda hoje, a gestora estará em um programa na rádio local para voltar a esclarecer a população do que está acontecendo no município.

Contas bloqueadas

Folha de SJB

One Comment

  1. Tenho pena de S.V.F , a eleição de Conceição foi cara, muitos bandidos investiram pesado em sua eleição e continuam endividando a Prefeita eleita e comprometendo cada vez mais a gestão pública. O povo de S.V.F ainda não aprendeu que não se deve por alguém que não entende absolutamente nada de administração, e muito menos quando se tem um desespero de empresários corruptos e gananciosos querendo tomar de conta das licitações do Município. Isso só prova que o povo de São Vicente não aprendeu a lição e continuará as consequências, até quando ?? Povo Vicentino, até quando!

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.