CIDADE SERÁ CONTEMPLADO PELO “MARANHÃO SEM DROGAS”

| 1 Comentário

O Governo do Maranhão lançará o Programa Estratégico de Prevenção ao Uso de Drogas – “Maranhão sem Drogas”, nesta terça-feira (9), às 15 horas, no auditório do Palácio Henrique de La Rocque, em São Luís. A ação, coordenado pela Secretaria Extraordinária de Estado de Assuntos Estratégicos (Seae), mobilizará secretarias de Estado, entidades da sociedade civil, organizações não-governamentais, iniciativa privada e a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem). São João Batista está entre os poucos municípios da Baixada Maranhense que serão contemplados.
Com base nas estatísticas de consumo e tráfico de drogas, a Seae elaborou o plano estratégico que tem enfoque na prevenção, considerada o melhor caminho para a aplicação de uma política de longo prazo e eficaz. Atualmente, de acordo com os dados da Seae, as estatísticas demonstram que 92% da incidência de violência relacionam-se ao consumo e ao tráfico de drogas e 20% da evasão escolar também dizem respeito a esse problema.

Segundo o secretário extraordinário de Assuntos Estratégicos, Alberto Franco, o esforço será concentrado nas áreas de repressão e prevenção. A linha de trabalho desenvolvido no Maranhão, de acordo com ele, está servindo de exemplo para todo o Brasil. Para ele, o esforço é conjunto e, por essa razão, diversos multiplicadores serão capacitados para que se tornem disseminadores. Ao mesmo tempo, serão instalados conselhos e comitês escolares de políticas sobre drogas.

“Acreditamos que, diminuindo o mercado das drogas, eliminaremos o tráfico. As ações estarão focadas na família, escola e na comunidade. O trabalho pedagógico será respaldado pela informação, conscientização e conhecimento”, destacou o secretário Alberto Franco.

O programa “Maranhão sem Drogas” será operacionalizado com ações continuadas e duradouras, atuando por meio de alternativas para ressocializar os usuários. A estratégia é integrar as iniciativas das Secretarias de Estado diretamente envolvidas no processo e os municípios, isso porque o problema relacionado ao consumo de crack está atingindo diversas cidades maranhenses.

Entre os municípios a serem contemplados pelo programa, estão São Luís, São José de Ribamar, Imperatriz, Açailândia, Raposa, Paço do Lumiar, Alcântara, Cururupu, São João Batista, Santa Rita, Axixá, Anajatuba, Rosário, Itinga do Maranhão, São Mateus, Caxias e Bom Jesus das Selvas. Com informações do Governo do Estado do Maranhão.

One Comment

  1. Todo o maranhão esse é um projeto da governadora Roseana Sarney, não terá cidade contemplada e sim todo o maranhão. Tudo vcs querem promover essa cidade que não tem nada kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.