CAMINHADA CHAMA ATENÇÃO DE JOANINOS PARA O COMBATE A EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES

Uma caminhada marcou Semana Nacional do Combate a Exploração Sexual de Menores hoje em São João Batista. O evento foi coordenado pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescentes (CMDCA) e contou com parceria das Secretarias Municipais de Assistência Social, Educação e Juventude da nossa cidade. Além disso, escolas municipais e estaduais participaram da manifestação.
O evento reuniu mais de mil pessoas. As denúncias podem ser feitas através do Disque 100, pelo Conselho Tutelar, ou Creas – Centro de Referência Especializado de Assistência Social. Por meio do Disque 100, o cidadão pode denunciar violências, colher informações sobre o paradeiro de crianças e adolescentes desaparecidos, tráfico de pessoas – independentemente da idade da vítima – e obter informações sobre os Conselhos Tutelares. O serviço funciona diariamente das 8h às 22h, inclusive nos fins de semana e feriados. As denúncias recebidas são analisadas e encaminhadas aos órgãos de defesa e responsabilização em um prazo de 24h. A identidade do denunciante é mantida em absoluto sigilo.
Dia 18 de Maio
A escolha da data é uma forma de lembrar o caso Araceli Cabrera Sanches. No dia 18 de maio de 1973, Araceli, então com oito anos, foi sequestrada, drogada, espancada, estuprada e morta por integrantes de uma tradicional família do Espírito Santo. Muita gente acompanhou o desenrolar do caso, poucos, entretanto, foram capazes de denunciar. O silêncio de muitos resultou na impunidade dos criminosos. Confiram as fotos…
Termo de uso
Política de moderação de comentários: O autor Jailson Mendes mantém a qualidade, atualidade e autenticidade das informações por ele apresentadas no presente blog, mas não se responsabiliza por informações/opiniões de terceiros. Ao comentar neste blog, você assume toda a responsabilidade pelo conteúdo postado. O autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *