ASSALTO: AGÊNCIA DOS CORREIOS DE SÃO JOÃO BATISTA ACABA DE SER ASSALTADA

| 2 Comentários

A agência dos correios de São João Batista, acaba de ser assaltada por dois elementos. por volta das 15 horas, A polícia ja foi acionada e está no local colhendo informações, a suspeita é que deve ser os mesmos assaltantes que assaltaram o professor Marcondes Serra Ribeiro e sua ex-esposa, Silvia Araújo e senhora Benedita de Jesus Amaral Santos  moradora do povoado Guaribal.  


No momento entraram dois elementos, um de gravata, e um outro que ficou com  duas armas apontadas para os clientes e o responsável pelo caixa. Ao sair do recinto um dos elemento que estava de gravata trocou de roupa. 


Os Bandidos levaram uma certa importância em dinheiro que não foi informado, levaram ainda o celular do atendente do caixa e a moto do carteiro que serviu de fuga para os bandidos. 
Desde que a Empresa de Correios e Telégrafos assumiram o serviço de banco postal, atualmente correspondente do Banco do Brasil, o número de assaltos nas agências cresceu. Acontece que as agências passaram a movimentar uma renda considerável e diante da falta de segurança, o Governo Federal e a direção da empresa entregam de bandeja uma bolada nas mãos dos assaltantes e põem em risco, de forma irresponsável, a vida dos clientes e dos funcionários. 

Quem principalmente paga por isso são os trabalhadores da empresa, que sofrem com traumas e doenças psicológicas. Para a maioria dos atendentes comerciais, essa é a maior angustia: esperar o dia em que um bandido vai entrar na agência e ameaçar sua vida com uma arma de fogo.

Adeptação de texto sjb em foco. 

EQUIPE DE REDAÇÃO DO BLOG DA AGÊNCIA DE SJB

2 Comments

  1. Somos vítimas desses meliantes. Como diria o bom e velho ditado, “bandido bom é bandido morto”.
    Agora, os cidadãos joaninos são obrigados a conviver com isso.
    Não temos e nem queremos ter a pretensão de adotar essa violência típica de cidade grande.
    Que a paz reine aqui!

    Profª Márcia Valéria

  2. SEXTA-FEIRA, 26 DE OUTUBRO DE 2012

    As últimas do JB

    Manda quem pode…

    … e quem tem as prerrogativas para isso. Mas não só por mandar, mas porque assim determina a lei das transições administrativas. E foi pautado no Artigo 156 da Constituição Estadual, que o prefeito eleito Dr. Amarildo Pinheiro criou a comissão de técnicos e advogados que terão a responsabilidade de ver “in loco” a situação dos prédios públicos; receberem e analisarem os relatórios, contratos, convênios, bem como relação de funcionários efetivos e contratados da atual administração e tudo o mais que for pertinente. Esta providência também fora tomada junto ao ministériuo público quem terá o dever de acompanhar o processo transitório. As demandas provenientes destas informações vão gerar relatórios que serão apresentados em audiências públicas que vão nortear os encaminhamentos legais. É a nova maneira de administrar. Agora é Amarildo!

    …obedece quem tem juízo.

    …E quem entende que “o público” não pode ser confundido com “o privado”. E foi nesse entendimento e com esta sensibilidade que a equipe da prefeita Surama Soares recebeu o ofício que apresentava a criada “Comissão” de transição e solicitava a abertura de todas as informações necessárias da atual gestão municipal. A prefeita se mostrou solícita e determinou aos seus Secretários a prestar todas as informações necessárias. Esta postura, digna de elogios, torna a transição administrativa sem nenhum trauma. O prefeito Amarildo agradeceu e até elogiou a atitude da atual prefeita.

    A “caça às bruxas”

    Após perder as eleições é comum nas administrações dos interiores do Maranhão, e aqui não foge à regra, haver uma verdadeira “devassa” nos servidores contratados ou naqueles que efetivos, assumem ou ganham alguma “comissão” a mais nos seus salários. Aqui já começou a degola. E ganha um prêmio quem dedurar um infiel. Resultado: muitos já começaram a sofrer o corte da navalha. Estão sendo sumariamente demitidos de suas funções, Foi assim com a Professora Tatiana Nunes (Diretora da Escola do Centrinho) – que dizem, é Amarildo desde criancinha – e com o Professor Carlos Pinheiro (Coordenador do Farol da Educação), que atestam alguns “dedos-duros”, não ter votado com a atual prefeita. Engrossaram esta lista as também professoras Cleidimar e Patrícia. Outros estão na mira.

    E assim vai. Dizem também que quem é mais entusiasta desta “sangria”, é quem mais empregou, quem distribuiu gratificações ao bel-prazer e quem queria o voto a qualquer custo. Pois é, ainda são eles!

    Os “pulos” de cada um

    Nesta eleição e sobretudo na reta final da campanha, observou-se alguns “pulos” de alguns malabaristas da política joanina. Alguns se deram bem. Pularam certo. Outros, bem-feito, se espatifaram no chão. Tudo isto, porque querem fazer da política uma ciranda, uma brincadeira de pula-pula, sem nenhuma convicção. Política é arte de saber ganhar e saber perder, com convicção. Esta retórica não é bem assimilada por alguns, infelizmente.

    Por outro lado temos aqueles que se descobrem desvalorizados em seus grupos e buscam outras convicções, e são bem recebidos nos novos grupos políticos ou se constituem novas lideranças partidárias, distantes das velhas raposas.

    E assim vão se renovando os grupos políticos, tendo como base a “convicção”, “o ideal”, “o pensamento coletivo”, e não o aproveitamento às benesses, à pecúnia desenfreada de última hora. Como se viu, apesar da força bruta, a esperança venceu o medo. Deu Amarildo!

    Postado por Batista Azevedo às 12:15 0 comentários Links para esta postagem
    Enviar por e-mail
    BlogThis!
    Compartilhar no Twitter
    Compartilhar no Facebook
    Compartilhar no Orkut

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.