Publicidade

Agerp reúne comunidades e autoridades para discutir gestão dos Diques de Produção em Cajapió

| 2 Comentários

O prefeito de Cajapió, Dr. Marcone, acompanhou nesta quinta a visita do presidente da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e de Extensão Rural do Maranhão, Julio Mendonça, e da técnica da agência, Janaira Sá. Eles visitaram regiões da zona rural do município para discutir a gestão do Programa Diques de Produção.

Eles visitaram as comunidades de Ilha Grande, Pedreiras e Boa Vista, onde a equipe da Agerp falou sobre as potencialidades dos Diques de Produção e quais serão os próximos passos. Além de técnicos da agência, a reunião contou com vereadores e secretários municipais. A visita técnica faz parte da ação da Secretaria de Agricultura Familiar, que estiveram esta semana nos municípios contemplados com o Programa Diques da Produção.

O objetivo da visita foi diagnosticar as potencialidades produtivas, ações e projetos em desenvolvimento naquela região. Os ‘Diques da Produção’ têm o objetivo de garantir a contenção de água doce e o combate da salinização dos campos naturais inundáveis e implantar grandes canais que permitirão armazenar água para desenvolver projetos nas áreas da piscicultura, agricultura e pecuária.

O programa consiste na construção de diques de contenção de água salgada, pequenas barragens, canais de retenção, além de ofertar assistência técnica e extensão rural aos beneficiário do projeto.

Folha de SJB

2 Comments

  1. Uma excelente ideia, lembrando que esse modelo de retenção de água começou na década de oitenta, com o então prefeito Isaac Dias, que fez um dique desse na barragem de São Bento a Bacurituba, os mesmo existem até hoje é nunca secaram. Muitas famílias se beneficiam com a pesca.

  2. Uma excelente ideia, lembrando que esse modelo de retenção de água começou na década de oitenta, com o então prefeito Isaac Dias, que fez um dique desse na barragem de São Bento a Bacurituba, o mesmo existem até hoje é nunca secaramu. Muitas famílias se beneficiam com a pesca.

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.